Tricotomia versus dicotomia – qual visão é a correta?



 

Pergunta: "Tricotomia versus dicotomia – qual visão é a correta?"

Resposta:
A Bíblia ensina que a humanidade possui um corpo físico, uma alma e um espírito. No que diz respeito a como esses aspectos da natureza humana se conectam e se relacionam entre si, existem quatro teorias primárias. Duas das visões, monismo antropológico e hilemorfismo antropológico, tratam principalmente de como os três aspectos da humanidade se combinam para formar a natureza humana. Os outros dois modelos, a dicotomia (dualismo antropológico) e a tricotomia, lidam com a distinção entre a alma humana e o espírito humano. A distinção entre os aspectos materiais (físicos) e imateriais (espirituais) da natureza humana é direta. A distinção entre os dois aspectos imateriais da natureza humana é mais difícil.

Embora existam versículos da Bíblia que usem os termos alma e espírito de forma intercambiável (Mateus 10:28; Lucas 1:46-47; 1 Coríntios 5:3; 7:34), outras passagens bíblicas não apresentam a alma e o espírito como precisamente a mesma coisa. Há também passagens que sugerem a separação entre a alma e o espírito (Romanos 8:16; 1 Tessalonicenses 5:23, Hebreus 4:12). Hebreus 4:12 afirma: "Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais cortante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até ao ponto de dividir alma e espírito." Este versículo nos diz duas coisas: (1) há um ponto de divisão entre a alma e o espírito, e (2) esse ponto de divisão só é discernível para Deus. Com todos esses versículos em mente, nem as interpretações dicotômicas ou tricotômicas podem ser explicitamente comprovadas. Será que o aspecto imaterial da natureza humana envolve uma alma e um espírito? Sim. São a alma e o espírito absolutamente unificados e unidos (dicotomia) ou intimamente relacionados, mas separados (tricotomia)? Não está claro.

Aqueles que acreditam que a natureza humana seja uma tricotomia normalmente acreditam no seguinte: o corpo físico é o que nos conecta com o mundo físico que nos rodeia, a alma é a essência do nosso ser, e o espírito é o que nos conecta com Deus. É por isso que pode se dizer que os não salvos são espiritualmente mortos (Efésios 2:1; Colossenses 2:13), embora estejam de corpo e alma "vivos". Aqueles que acreditam que a natureza humana seja uma dicotomia teriam a mesma compreensão do corpo, mas enxergam o espírito como a parte da alma que se conecta com Deus. Assim, a questão da dicotomia versus tricotomia é essencialmente se a alma e o espírito são aspectos diferentes da natureza humana imaterial, ou se o espírito é simplesmente uma parte da alma, sendo a alma toda a parte imaterial da natureza humana.

Tricotomia versus dicotomia do homem - qual visão é a correta? Ser dogmático quanto ao assunto seria imprudente. Ambas as teorias são biblicamente plausíveis. Nenhuma interpretação é herética. Este talvez seja um problema que somos incapazes de entender completamente com nossas mentes humanas finitas. Do que podemos ter certeza é que a natureza humana é composta por um corpo, uma alma e um espírito. Se a alma e o espírito são um, ou se são de alguma forma distintos, não é um problema que Deus escolheu deixar claro em Sua Palavra. Quer você acredite em uma dicotomia ou tricotomia, ofereça seu corpo como um sacrifício vivo (Romanos 12:1), agradeça a Deus por salvar sua alma (1 Pedro 1:9) e adore a Deus em espírito e verdade (João 4:23- 24).


Voltar à página principal em português

Tricotomia versus dicotomia – qual visão é a correta?