O que é a tipologia bíblica?



 

Pergunta: "O que é a tipologia bíblica?"

Resposta:
A tipologia é um tipo especial de simbolismo. (Um símbolo é algo que representa outra coisa.) Podemos definir um tipo como um "símbolo profético" porque todos os tipos são representações de algo ainda futuro. Mais especificamente, um tipo nas Escrituras é uma pessoa ou coisa no Antigo Testamento que prenuncia uma pessoa ou coisa no Novo Testamento. Por exemplo, o dilúvio dos dias de Noé (Gênesis 6-7) é usado como um tipo de batismo em 1 Pedro 3:20-21. A palavra para tipo que Pedro usa é figura.

Quando dizemos que alguém é um tipo de Cristo, estamos dizendo que uma pessoa no Antigo Testamento se comporta de uma maneira que corresponde ao caráter ou ações de Jesus no Novo Testamento. Quando dizemos que algo é "típico" de Cristo, estamos dizendo que um objeto ou evento no Antigo Testamento pode ser visto como representante de alguma qualidade de Jesus.

A própria Escritura identifica vários eventos do Antigo Testamento como tipos da redenção de Cristo, tais como o tabernáculo, o sistema sacrificial e a Páscoa. O tabernáculo do Antigo Testamento é identificado como um tipo em Hebreus 9:8-9: "o primeiro tabernáculo…. é isto uma parábola para a época presente." A entrada do sumo sacerdote no lugar mais sagrado uma vez por ano prefigurava a mediação de Cristo, nosso Sumo Sacerdote. Mais tarde, diz-se que o véu da tenda é um tipo de Cristo (Hebreus 10:19-20) porque a Sua carne foi rasgada (assim como o véu durante a crucificação) a fim de proporcionar acesso à presença de Deus para aqueles que são cobertos pelo Seu sacrifício.

Todo o sistema de sacrifício é visto como um tipo em Hebreus 9:19-26. Os artigos do "primeiro testamento" foram dedicados com o sangue do sacrifício; estes artigos são chamados de "figuras das coisas que se acham nos céus" e "figura do verdadeiro" (versículos 23-24). Esta passagem ensina que os sacrifícios do Antigo Testamento tipificam o sacrifício final de Cristo pelos pecados do mundo. A Páscoa é também um tipo de Cristo, de acordo com 1 Coríntios 5:7: "Cristo, nosso Cordeiro pascal, foi imolado." Descobrir exatamente o que os eventos da Páscoa nos ensinam sobre Cristo é um estudo rico e gratificante.

Devemos destacar a diferença entre uma ilustração e um tipo. Um tipo é sempre identificado como tal no Novo Testamento. Um estudante da Bíblia encontrando correlações entre uma história do Antigo Testamento e a vida de Cristo está simplesmente encontrando ilustrações, não tipos. Em outras palavras, a tipologia é determinada pela Escritura. O Espírito Santo inspirou o uso de tipos; ilustrações e analogias são o resultado do estudo do homem. Por exemplo, muitas pessoas veem paralelos entre José (Gênesis 37-45) e Jesus. A humilhação e subsequente glorificação de José parecem corresponder à morte e ressurreição de Cristo. No entanto, o Novo Testamento nunca usa José como um modelo de Cristo; portanto, essa narrativa é chamada apenas de uma ilustração, mas não um tipo, de Cristo.


Voltar à página principal em português

O que é a tipologia bíblica?