Quais são as soluções bíblicas para resolver problemas conjugais?


Pergunta: "Quais são as soluções bíblicas para resolver problemas conjugais?"

Resposta:
O casamento é o relacionamento mais íntimo que dois seres humanos podem experimentar, perdendo apenas para um relacionamento com Deus. O casamento traz à tona o melhor e o pior na maioria das pessoas, pois dois indivíduos distintos lutam para viver como "uma só carne" (Mateus 19:6; Marcos 10:8). Na raiz da maioria dos problemas do casamento está o egoísmo. Quando um ou ambos os parceiros escolhem viver como se suas necessidades merecessem consideração superior, conflitos são o resultado.

Há versículos específicos que abordam o comportamento de maridos e esposas. Alguns desses são 1 Pedro 3:1-8, Colossenses 3:18-19 e Tito 2:3-5. Apesar de não abordar o casamento diretamente, Filipenses 2:3-13 é uma excelente receita para resolver problemas matrimoniais. Essa passagem nos exorta a adotar a atitude que Cristo demonstrou quando deixou de lado os Seus direitos e privilégios como o Filho de Deus e veio à Terra como um humilde servo. Os versículos 3 e 4 dizem: "Nada façais por partidarismo ou vanglória, mas por humildade, considerando cada um os outros superiores a si mesmo. Não tenha cada um em vista o que é propriamente seu, senão também cada qual o que é dos outros." Quando essa exortação é aplicada ao casamento, quase qualquer obstáculo pode ser superado.

Certamente, buscar conselho de um pastor ou conselheiro matrimonial cristão é uma coisa bíblica a se fazer (Provérbios 19:20). Conseguir aconselhamento é uma excelente maneira de esclarecer equívocos sobre os papéis do casamento, ver uma situação de um outro ponto de vista e distinguir entre os padrões de Deus e os do mundo.

Efésios 5:21-33 dá instruções específicas para maridos e esposas. Um marido deve amar sua esposa "como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela" (verso 25). Esse amor abnegado cria uma atmosfera na qual a esposa pode mais facilmente se submeter à liderança do marido. Quando um marido está comprometido em demonstrar amor por sua esposa, e uma esposa está comprometida em permitir gentilmente que seu marido a conduza, o casamento funcionará.

Também é aconselhável prestar muita atenção aos versículos precedentes às instruções específicas do casamento. Efésios 5:18-21 diz: “E não vos embriagueis com vinho, no qual há dissolução, mas enchei-vos do Espírito, falando entre vós com salmos, entoando e louvando de coração ao Senhor com hinos e cânticos espirituais, dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, sujeitando-vos uns aos outros no temor de Cristo.”

Observe todos os comandos que precedem a instrução do casamento. Todos os cristãos devem

• recusar-se a ficar bêbados

• ser cheios do Espírito

• encorajar uns aos outros

• cantar hinos e canções de louvor

• ter uma atitude de adoração contínua

• viver num espírito de gratidão

• submeter-se graciosamente uns aos outros

Perdemos uma verdade vital quando pulamos direto para a instrução matrimonial sem aplicar as diretrizes práticas nos versículos precedentes. Quando cada um dos cônjuges aplica essas verdades à sua vida pessoal e se esforça para fazer do seu relacionamento com o Senhor o foco principal, os problemas do casamento ficam em segundo plano. Quando dois cristãos comprometidos têm o propósito de buscar o coração de Deus e seguir a Sua vontade sempre, não há problema que não possam resolver.

English
Voltar à página principal em português

Quais são as soluções bíblicas para resolver problemas conjugais?

Assine a pergunta da semana