settings icon
share icon
Pergunta

Qual é o propósito do reinado de Cristo de mil anos?

Resposta


O Milênio (também conhecido como Reino Milenar) é o reinado de Jesus de 1.000 anos após a Tribulação e antes que todas as pessoas do mundo fossem enviadas para o céu ou para o inferno. Jesus reinará como rei sobre Israel, bem como sobre todas as nações do mundo (Isaías 2:4; 42:1). O mundo viverá em paz (Isaías 11:6–9; 32:18), Satanás será amarrado (Apocalipse 20:1-3) e, no início, todos adorarão a Deus (Isaías 2:2-3). O propósito do reinado de 1.000 anos é cumprir as promessas que Deus fez ao mundo que não podem ser cumpridas enquanto Satanás estiver livre e os humanos tiverem autoridade política. Algumas dessas promessas, chamadas de alianças, foram feitas especificamente a Israel. Outras foram dadas a Jesus, às nações do mundo e à criação. Tudo isso será cumprido durante o reinado de 1.000 anos de Jesus.

A Aliança Palestina, também chamada de Aliança da Terra (Deuteronômio 30:1-10)

Deus já cumpriu os aspectos pessoais da Aliança Abraâmica; Abraão foi para a Terra Prometida, ele teve muitos descendentes e é o antepassado de muitas nações. Várias centenas de anos depois de Abraão, Josué guiou os israelitas a reivindicar a Terra Prometida. Mas Israel nunca possuiu os limites específicos que Deus prometeu em Gênesis 15:18-20 e Números 34:1-12. Nem mesmo Salomão governou esta área em particular (1 Reis 4:21–24). Embora tenha reinado desde o Rio do Egito até o Eufrates, ele não controlou a área do monte Hor até Hazar-Enã, o atual Líbano e a Síria (Números 34:7–9). Além disso, a aliança que Deus fez com Abraão era que ele e seus descendentes teriam a terra para sempre (Gênesis 13:15; 17:8; Ezequiel 16:60). O atual estado israelense pode ser um passo nessa direção, mas eles ainda não possuem os limites que Deus estabeleceu.

A Aliança Davídica (2 Samuel 7)

A aliança de Deus com Davi era que sua linhagem nunca morreria e que o herdeiro de Davi se sentaria no trono de Israel para sempre (2 Samuel 7:16). Os estudiosos da Bíblia concordam que Jesus é o cumprimento dessa aliança - uma das razões pelas quais Sua genealogia é dada tanto para Seu pai adotivo (Mateus 1:1-17) quanto para Sua mãe (Lucas 3:23-38). Os judeus demonstraram que entenderam isso ao espalharem os galhos das palmeiras e suas capas pelo caminho quando Jesus entrou em Jerusalém (Mateus 21:1–17). Eles esperavam que Cristo fosse um líder militar/político que os libertaria dos romanos e faria de Israel uma grande nação novamente. Mas eles não entendiam que a natureza da obra de Jesus na época era para a Nova Aliança, não a Aliança Davídica. O reinado de 1.000 anos será o início do reinado eterno de Jesus sobre Israel e a terra (Apocalipse 20:4, 6).

A Nova Aliança (Jeremias 31:31-34)

A obra da Nova Aliança - a morte e ressurreição de Jesus para reconciliar os corações com Deus - foi realizada. Entretanto, ainda não vimos o cumprimento completo. Jeremias 31:33 diz: “Porque esta é a aliança que farei com a casa de Israel, depois daqueles dias, diz o Senhor: Na mente lhes imprimirei as minhas leis, também no seu coração as inscreverei; eu serei o Deus deles, e eles serão o meu povo.” Ezequiel 36:28 dá mais detalhes: “Vocês habitarão na terra que eu dei aos seus pais. Vocês serão o meu povo, e eu serei o seu Deus.” Isaías 59:20–21 explica que essa aliança é possível por causa do Redentor, e a reconciliação que Ele oferece durará para sempre. Esta aliança não significa que todo judeu será salvo. No entanto, significa que Israel como nação adorará seu Messias. Os profetas do Antigo Testamento que falaram dessa aliança, incluindo Isaías, Jeremias, Oseias e Ezequiel, todos escreveram que seria cumprida no futuro. De seu tempo em diante, Israel ainda não se tornou uma nação independente que adorou seu Messias (Romanos 9-11). Eles estarão no reinado de 1.000 anos de Cristo.

Outras Promessas

Essas são as alianças que Deus fez com Israel a serem cumpridas no reinado de Jesus de 1.000 anos, mas a Bíblia lista outras promessas que também serão cumpridas. Deus prometeu a Jesus que faria de Seus inimigos um estrado e que os seguidores de Jesus O adorariam livremente (Salmo 100). Deus prometeu às nações do mundo que viveriam em paz com Jesus como governante (Daniel 7:11–14). E Ele prometeu à criação que a maldição seria retirada (Romanos 8:18–23), os animais e a terra seriam restaurados para a paz e a prosperidade (Isaías 11:6–9; 32:13–15) e as pessoas seriam libertadas da doença (Ezequiel 34:16). Essas também serão cumpridas durante o reinado de 1.000 anos.

O principal objetivo do reinado de 1.000 anos de Jesus é cumprir as profecias dadas a Israel e as promessas feitas a Jesus, às nações e a toda a terra. As alianças de Deus eram voluntárias e unilaterais. Ele prometeu que abençoaria Israel e restauraria o mundo de maneiras específicas, e Ele o fará.

English



Voltar à página principal em português

Qual é o propósito do reinado de Cristo de mil anos?
Assine a

Pergunta da Semana

Comparte esta página: Facebook icon Twitter icon Pinterest icon Email icon
© Copyright Got Questions Ministries