Como posso receber a proteção de Deus?



 

Pergunta: "Como posso receber a proteção de Deus?"

Resposta:
Por causa do pecado do homem e da maldição subsequente que envenenou a perfeição da criação de Deus, o mundo é muitas vezes um lugar perigoso. As pessoas sofrem todos os dias com desastres naturais, crime, saúde precária e muito mais. É natural procurar proteção contra a dor e a tristeza da vida. Será que a Bíblia nos prometeu a proteção de Deus quando nos tornamos parte de Sua família eterna?

Há muitos versículos na Palavra de Deus que parecem prometer a proteção física de Deus. Por exemplo, o Salmo 121:3 diz: "Ele não permitirá que os teus pés vacilem; não dormitará aquele que te guarda." No versículo 7, o salmista declara: "O SENHOR te guardará de todo mal; guardará a tua alma." Quando Israel entrou na Terra Prometida, Deus prometeu-lhes que nunca mais os deixaria ou desampararia (Deuteronômio 31:6).

À primeira vista, parece que Deus promete proteger Seus filhos contra danos. No entanto, se fosse esse o caso, por que tantos cristãos em todo o mundo lutam com perseguição, doença, perda, acidentes e danos? Todos conhecemos cristãos cujos "pés" "vacilaram". Deus está quebrando a Sua promessa ou estamos sem conseguir enxergar alguma coisa?

Em primeiro lugar, devemos interpretar as promessas do Antigo Testamento de segurança física no contexto da Aliança Mosaica. Quando os filhos de Israel eram obedientes à aliança, Deus lhes prometeu várias bênçãos materiais e físicas - sobre suas colheitas, gado, filhos, etc. (Deuteronômio 28). A Antiga Aliança muito se tratava de bênçãos terrestres, e a proteção física estava entre elas. Esta foi a base para a oração de Ezequias quando foi afligindo com uma doença fatal (2 Reis 20:1-6). Em todo o Antigo Testamento, vemos Deus protegendo o Seu povo a fim de realizar os Seus planos (por exemplo, Êxodo 1:22-2:10; 1 Reis 17:1-6; Jonas 1).

É importante entender que estamos sob a Nova Aliança, não a Antiga. Deus não promete proteger os crentes em Cristo de todos os danos físicos. Certamente há momentos em que Ele nos protege de forma misericordiosa de situações que nos causariam ferimentos ou perdas. A sobrevivência de Paulo e Lucas do naufrágio em Atos 27 e a impermeabilidade de Paulo à mordida da cobra em Atos 28 são exemplos disso. Hoje, no entanto, as promessas de Deus aos crentes geralmente se referem à proteção espiritual.

Quando acreditamos em Jesus Cristo para a salvação, o Espírito Santo imediatamente entra em nossa vida. Somos selados para a eternidade e trazidos sob a proteção espiritual de Deus a partir desse momento. Isso significa que, independentemente dos nossos futuros pecados ou dos esquemas de Satanás, nunca perderemos a salvação que Deus concedeu (2 Timóteo 1:12). Não há nada que possa nos separar do amor de Deus (Romanos 8:38-39). Além disso, somos libertos do domínio do pecado: não somos mais escravos de pensamentos, desejos e ações pecaminosas, mas nascemos em uma nova vida de santidade (Romanos 6:22).

Ao longo de nossas vidas, Deus "guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus" (Filipenses 4:7), fornecendo a força, a paz e a perseverança de que precisamos para aguentar qualquer teste ou julgamento. Seu Espírito cresce em nós fruto que fortalecerá nossa caminhada cristã (Gálatas 5:22-23), e Ele nos fornece ferramentas poderosas com as quais podemos afastar os ataques espirituais do inimigo (Efésios 6:10-18).

Não há nada de errado em pedir uma proteção física de Deus, desde que percebamos que Ele nem sempre escolhe concedê-la. O Senhor sabe que somos fortalecidos pelas provações que chegam ao nosso caminho, e em cada provação física, temos a garantia de Sua proteção espiritual. Então, em vez de buscar uma proteção física completa de Deus, podemos concordar com Tiago quando diz: "Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a provação da vossa fé, uma vez confirmada, produz perseverança" (Tiago 1:2-3).


Voltar à página principal em português

Como posso receber a proteção de Deus?