GotQuestions.org > Português > Perguntas sobre salvação > presciência predestinação

Como são a predestinação e a eleição ligadas à presciência?


Pergunta: "Como são a predestinação e a eleição ligadas à presciência?"

Resposta:
Certamente, já que Deus sabe de tudo, teria sido possível que baseasse Sua predestinação e eleição de indivíduos em Sua presciência do futuro. De fato, essa é a posição exata em que muitos cristãos acreditam, uma vez que é a visão arminiana da predestinação. O problema com essa teoria é que não é, de fato, o que a Bíblia ensina sobre predestinação, eleição e presciência. Para entender por que a visão de que "Deus fez Sua escolha com base apenas em conhecer o futuro" não é o que a Bíblia ensina, vamos primeiro considerar alguns versículos que falam da razão pela qual Deus elegeu ou predestinou as pessoas para a salvação.

Efésios 1:5 nos diz que Deus "nos predestinou para ele, para sermos adotados como seus filhos, por meio de Jesus Cristo, segundo o propósito de sua vontade". De acordo com este versículo, a base de sermos predestinados não é algo que fazemos ou faremos, mas unicamente a vontade de Deus para Seu próprio prazer. Como Romanos 9:15-16 diz: "'Terei misericórdia de quem eu tiver misericórdia e terei compaixão de quem eu tiver compaixão.' Assim, pois, isto não depende de quem quer ou de quem corre, mas de Deus, que tem misericórdia." Da mesma forma, Romanos 9:11 declara a respeito de Jacó e Esaú: "E os gêmeos ainda não eram nascidos, nem tinham feito o bem ou o mal — para que o propósito de Deus, quanto à eleição, prevalecesse, não por obras, mas por aquele que chama". Então, novamente em Efésios 1:11, vemos que os escolhidos são "predestinados segundo o propósito daquele que faz todas as coisas conforme o conselho da sua vontade." Dessas e muitas outras passagens, vemos que as Escrituras ensinam consistentemente que a predestinação ou eleição não se baseia em algo que fazemos ou faremos. Deus predestinou as pessoas com base em Sua própria vontade soberana de redimir para Si pessoas de todas as tribos, línguas e nações. Deus predeterminou (ou predestinou) isso antes da fundação do mundo (Efésios 1:4), baseado apenas em Sua vontade soberana e não por causa de qualquer coisa que Ele sabia que o povo faria.

Mas e Romanos 8:29, onde diz que "aqueles que Deus de antemão conheceu ele também predestinou"? Isso não parece dizer que a predestinação se baseia no conhecimento de Deus? Obviamente, a resposta é sim, essa passagem ensina que a predestinação se baseia na presciência de Deus. Mas o que a palavra conhecer significa? Será que quer dizer "baseado no conhecimento de Deus sobre o futuro", ou seja, Deus simplesmente olha para o futuro e vê quem acreditará na mensagem do evangelho e depois predestina ou elege-os? Se fosse esse o caso, isso contradiria os versículos acima de Romanos e Efésios que deixam bem claro que a eleição não se baseia em nada que o homem faz ou fará.

Felizmente, Deus não nos deixa no escuro sobre esse assunto. Em João 10:26, Jesus disse: "Mas vocês não creem, porque não são das minhas ovelhas." A razão pela qual algumas pessoas acreditam é que pertencem a Deus. Elas foram escolhidas para a salvação, não com base no fato de que um dia creriam, mas porque Deus as escolheu para "adoção como filhos em Cristo Jesus" antes que existissem. A razão pela qual uma pessoa acredita e outra não é que uma foi adotada por Deus e a outra não. A verdade é que a palavra "conheceu" em Romanos 8:29 não está falando de Deus conhecer o futuro. No original, essa palavra nunca é usada em termos de conhecimento sobre eventos futuros, tempos ou ações (onisciência de Deus). O que ela descreve é um relacionamento predeterminado no conhecimento de Deus pelo qual Ele traz à existência a relação de salvação decretando-a com antecedência.

A palavra conhecer às vezes é usada na Bíblia para descrever um relacionamento íntimo ou pessoal entre um homem e uma mulher. Do mesmo modo, antes que Deus criasse os céus e a terra, e muito tempo antes de nascermos, Deus conhecia Seus eleitos de uma maneira pessoal e os escolheu como Suas ovelhas, não porque um dia O seguiriam, mas a fim de garantir que O seguiriam. O fato de conhecê-los e escolhê-los é a razão pela qual O seguem, e não o contrário. A questão realmente não é se Deus sabe ou não quem irá acreditar, mas por que alguns acreditam e outros não. A resposta para isso é que Deus escolhe ter misericórdia de alguns, enquanto escolhe deixar outros em sua rebelião pecaminosa.

English


Voltar à página principal em português

Como são a predestinação e a eleição ligadas à presciência?

Descubra como ...

receber a vida eterna



receber o perdão de Deus



Assine a pergunta da semana