settings icon
share icon
Pergunta

Por que Deus me criou? Por que Deus me fez?

Resposta


No sexto dia da criação, Deus fez algo que não havia feito antes. Quando criou o mundo e tudo que nele há, Ele simplesmente falou tudo à existência (Gênesis 1). Mas no sexto dia, Ele estendeu a mão no barro e formou um homem. Então “formou o SENHOR Deus ao homem do pó da terra e lhe soprou nas narinas o fôlego de vida, e o homem passou a ser alma vivente” (Gênesis 2:7). O sopro de Deus criou uma alma eterna no homem. Deus fez a humanidade à Sua própria imagem; isto é, Adão e Eva eram mais semelhantes a Ele do que qualquer outra coisa que Ele havia criado (Gênesis 1:27). Os humanos viveriam para sempre, assim como Deus. Ele disse ao primeiro casal para ser frutífero e se multiplicar e encher a terra e subjugá-la (versículo 28). Ele os criou com um propósito, e todas as pessoas que vieram depois deles também foram criadas com um propósito.

Espalhadas por toda a Bíblia estão dicas sobre as razões pelas quais Deus nos fez. A nossa primeira dica está no Jardim do Éden. Gênesis 2:15 diz que Deus tomou o homem que Ele havia criado e o colocou no jardim para cuidar dele. Deus havia criado um zelador para a Sua terra. Ele deu ao homem domínio sobre tudo o mais e lhe deu um trabalho a fazer (Gênesis 1:28). A primeira tarefa do homem foi dar nome a todos os animais (Gênesis 2:19-20). Deus poderia ter dado nome aos animais Ele mesmo, mas gostava de trabalhar com Adão da mesma forma que uma mãe amorosa gosta de ver seu filho em idade pré-escolar aprender uma habilidade. Então, fomos criados para o trabalho, mas não para o trabalho da forma como costumamos defini-lo. O trabalho foi planejado para ser uma maneira satisfatória de experimentarmos Deus na medida em que trabalhamos em harmonia com Ele para realizar os Seus objetivos.

Sabemos pelo Salmo 139:13-16 que cada um de nós foi formado por Deus enquanto estávamos dentro de nossas mães. Somos Suas obras-primas, criadas por Ele para propósitos únicos (Efésios 2:10). Deus está intimamente envolvido em nossa criação: “A mim me veio, pois, a palavra do SENHOR, dizendo: Antes que eu te formasse no ventre materno, eu te conheci, e, antes que saísses da madre, te consagrei, e te constituí profeta às nações” (Jeremias 1:4–5). Essa declaração por si só deveria nos encher de admiração. O Senhor Deus Todo-Poderoso, Criador do universo, nos escolhe individualmente e então nos cria exatamente como Ele quer que sejamos. As Escrituras deixam claro que todo ser humano foi criado por Deus para Seu prazer e Seu propósito (Colossenses 1:16).

Se vamos cumprir o nosso propósito, precisamos consultar a Bíblia. A Bíblia nos fala sobre quem é Deus, quem somos e como devemos viver nossas vidas. Muitas pessoas tentam encontrar um propósito na felicidade, diversão ou popularidade porque não sabem que Deus tem um propósito maior para as suas vidas. Infelizmente, acabam vazias e frustradas. Mas não precisa ser assim. Deus nos deu a Sua Palavra (a Bíblia) para que pudéssemos aprender quem Ele é e quem somos nós. Quando a consultamos para orientação, abrimos o roteiro que leva ao nosso propósito.

Uma coisa que aprendemos é que Deus nos ama e provou esse amor enviando o Seu Filho, Jesus, para nos mostrar como Ele é (João 14:9). Embora Deus nos ame, nosso pecado nos separou dEle (Romanos 3:23; 6:23). Jesus veio à terra e Se ofereceu em nosso lugar. Ele recebeu o castigo que nosso pecado merece (2 Coríntios 5:21). Deus O ressuscitou dos mortos três dias depois, provando que Jesus é o Senhor sobre tudo, inclusive sobre a morte (Romanos 10:9-10). Então Deus decretou que todo aquele que depositar fé em Jesus será perdoado e entrará em um relacionamento com Ele (João 3:16-18). Assim, o primeiro desejo de Deus para cada ser humano é que O conheçamos pela fé em Seu Filho. Quando sabemos quem Ele é, podemos descobrir quem somos.

O objetivo de Deus para cada um de Seus filhos é que assumamos uma semelhança familiar. Ele quer que sejamos como Jesus (Romanos 8:29). Então Ele nos dá dons espirituais que nos permitem servi-lo de maneiras sobrenaturais (1 Pedro 4:10; 1 Coríntios 12:7-11). À medida que aprendemos a andar em harmonia com Deus e a usar nossos dons para servir aos outros, estamos vivendo o nosso propósito.

Deus nos criou para um propósito, mas esse propósito será diferente para cada pessoa, porque cada um de nós é único. Ser criado à imagem de Deus significa que fomos criados para ser espelhos da glória de Deus – espelhos únicos que refletem os diversos aspectos da Sua natureza. Um espelho não tem outro propósito senão refletir outra coisa. Um espelho é inútil quando coberto de lama; da mesma forma, quando estamos cobertos de pecado e nos afastamos de Deus, não estamos vivendo o propósito para o qual fomos criados. Mas quando respondemos à oferta de salvação de Deus e permitimos que o Seu Espírito Santo nos limpe, nós nos voltamos para o nosso Criador, e a Sua glória se reflete em nossas vidas. Não é a nossa luz ou beleza que o mundo precisa ver, mas a dEle (João 8:12; 9:5).

Miqueias 6:8 nos diz o que Deus espera de nós: “Ele te declarou, ó homem, o que é bom e que é o que o SENHOR pede de ti: que pratiques a justiça, e ames a misericórdia, e andes humildemente com o teu Deus.” Deus nos criou para andar com Ele, conversar com Ele, descobrir os Seus atributos e abençoar o mundo a partir dessa perspectiva. Agir com justiça é nos manter em um padrão mais alto do que a nossa velha natureza pecaminosa seguia (1 Coríntios 10:31). Procuramos aprender os mandamentos de Deus para que possamos obedecê-los. Amar a misericórdia significa tornar-nos canais da mesma misericórdia e graça que nos resgatou (Tito 3:5). Oferecemos perdão a quem nos ofende e deixamos o julgamento final para Deus (1 Coríntios 4:5). Andamos humildemente com o nosso Deus quando ficamos perto dEle nos bons e maus momentos, agradecendo-Lhe por cada boa dádiva e correndo para Ele quando nos sentimos ameaçados (1 Tessalonicenses 5:18; Provérbios 18:10). Quando andamos humildemente com o nosso Deus, acumulamos tesouros no céu ao buscarmos conhecer e seguir a Sua vontade. Ao viver as nossas vidas na terra para a Sua glória, podemos um dia entrar em Sua presença sabendo que cumprimos o propósito para o qual Ele nos criou (1 Timóteo 6:18–19; Mateus 6:20; Lucas 19:17).

English



Voltar à página principal em português

Por que Deus me criou? Por que Deus me fez?
Assine a

Pergunta da Semana

Comparte esta página: Facebook icon Twitter icon Pinterest icon Email icon
© Copyright Got Questions Ministries