Como pode um crente encontrar consolo após a morte de um dos pais?


Pergunta: "Como pode um crente encontrar consolo após a morte de um dos pais?"

Resposta:
Como pode um crente encontrar consolo após a morte de um dos pais?

Resposta: A morte de um dos pais (ou de qualquer membro da família) pode ser realmente desgastante para um cristão. Mesmo quando o ente que perdemos é um crente, nunca é fácil dizer adeus, especialmente se o luto foi repentino. O luto por nossos entes queridos é apropriado e esperado; o próprio Cristo chorou no túmulo de Seu amigo Lázaro (João 11:35). A Bíblia fornece consolo e nós, como cristãos, podemos encontrar consolo mesmo na perda de alguém tão querido.

Na perda de um pai ou mãe crente, o maior conforto que um crente tem é a esperança e a confiança de que nosso relacionamento com nossos pais não termina na morte. Um cristão que perdeu um pai ou mãe crente pode descansar na promessa de que haverá uma reunião no céu. Nosso ente querido está atualmente com Cristo, experimentando da Sua alegria (2 Coríntios 5:8). No tempo da ressurreição, todos os que aceitarem a Cristo serão glorificados e receberão corpos incorruptíveis (1 Coríntios 15:42–44; João 11:25). Para o cristão, Cristo conquistou a morte! Como Paulo alegremente escreve em 1 Coríntios 15:54–57: “E, quando este corpo corruptível se revestir de incorruptibilidade, e o que é mortal se revestir de imortalidade, então, se cumprirá a palavra que está escrita: Tragada foi a morte pela vitória. Onde está, ó morte, a tua vitória? Onde está, ó morte, o teu aguilhão? O aguilhão da morte é o pecado, e a força do pecado é a lei. Graças a Deus, que nos dá a vitória por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo.”

Perder um pai ou mãe pode ser mais difícil se não tivermos certeza da sua salvação. Mesmo assim, ainda podemos nos apegar às promessas de Deus e buscar conforto nEle. Aguardamos ansiosamente o tempo em que todas as coisas serão renovadas e confiamos que Ele é justo e bom.

O Deus da Bíblia se deleita em consolar os aflitos e curar os que estão de coração partido (Jeremias 17:14; 2 Coríntios 1:3–4; 7:6). Ele é “pai dos órfãos” (Salmo 68:5). Quando estamos tristes pela perda de nossos entes queridos, Deus é rápido em nos oferecer a Sua paz. No meio do nosso luto, podemos conhecer a presença de Deus conosco. Mesmo em nossa tristeza, podemos nos aproximar dEle em oração e adoração. Como crentes, também não precisamos nos afligir sozinhos. Temos outros no Corpo de Cristo que ajudarão a carregar o nosso fardo, compartilhar a nossa dor e "chorar com os que choram" (Romanos 12:15).

A perda de nossos pais pode ser profundamente dolorosa, especialmente porque eles desempenham um papel tão importante na formação de nossas vidas. De fato, nossos pais são muitas vezes os que nos confortam quando estamos sofrendo, e perdê-los pode parecer que estamos perdendo nosso apoio emocional. No entanto, os cristãos podem se animar com o fato de que encontramos conforto em mais do que nossas famílias; o próprio Deus da Criação, que nos conhece melhor do que nós mesmos, compreende nossa dor e está ansioso para nos ajudar a crescer, nos curar e nos dar a paz.

English
Voltar à página principal em português

Como pode um crente encontrar consolo após a morte de um dos pais?

Assine a pergunta da semana