settings icon
share icon
Pergunta

O que a Bíblia diz sobre missões mundiais?

Resposta


A Bíblia não usa a frase “missões mundiais”, mas Deus certamente está voltado para missões (Lucas 19:10), e Seu amor se estende a todo o mundo (João 3:16). A salvação de todas as nações é uma preocupação de todo cristão, com base em pelo menos três fatores apresentados nas Escrituras:

Primeiro, as missões mundiais são importantes porque Deus é o Criador de todas as pessoas; segundo, Deus Se preocupa com todas as pessoas igualmente; e, terceiro, Deus deseja que todas as pessoas sejam salvas e cheguem ao conhecimento da verdade sobre Jesus Cristo (1 Timóteo 2:4). Por causa da atitude de Deus para com as pessoas de todo o mundo, sabemos que as missões mundiais - a evangelização de todas as pessoas do mundo - é um objetivo digno. Deus enviou Seu Filho ao mundo para cumprir esta profecia: “O povo que andava em trevas viu uma grande luz; e sobre os que habitavam na terra de profunda escuridão resplandeceu a luz” (Isaías 9:2).

As missões mundiais têm seu fundamento na ordem de Jesus aos Seus discípulos para irem por todo o mundo e "fazei discípulos de todas as nações" (Mateus 28:19). Isso é exatamente o que os discípulos se empenharam em fazer. Na Antioquia de Síria, Paulo e Barnabé foram “separados” pelo Espírito Santo e convocados para uma obra especial (Atos 13:2). Essa obra era evangelizar Chipre e a Ásia Menor.

Eventualmente, o trabalho missionário de Paulo o levou para a Europa. Desde sempre, Paulo se esforçou para ser um pioneiro em missões mundiais: “deste modo esforçando-me por anunciar o evangelho, não onde Cristo houvera sido nomeado, para não edificar sobre fundamento alheio” (Romanos 15:20). Paulo pregou o evangelho “de Jerusalém até a Ilíria” (versículo 19); ele tinha planos de ir para a Espanha (versículo 24) e, eventualmente, chegou a Roma. O livro de Atos mostra o fervor missionário da igreja primitiva e enfatiza a necessidade de missões mundiais.

Deus não mostra parcialidade por uma raça ou nação acima de outra (Atos 10:34-35). A Bíblia diz que, sem Cristo, estamos todos na mesma condição espiritual: todos carecem da glória de Deus e estão sob a maldição de Adão. Todos - todas as raças, todas as pessoas, todas as nacionalidades - precisam ouvir o evangelho. Todos precisam da justiça de Deus que vem pela fé em Jesus Cristo. “Como pois invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram falar? e como ouvirão, se não há quem pregue? E como pregarão, se não forem enviados? assim como está escrito: Quão formosos os pés dos que anunciam coisas boas!” (Romanos 10:14-15). A oferta da graça é estendida a todos; Deus Se preocupa com todas as pessoas igualmente.

Devemos buscar missões mundiais porque Deus deseja que todas as pessoas sejam salvas e cheguem ao conhecimento da verdade (1 Timóteo 2:4). A oferta de salvação é feita a todo aquele “que quiser” (Apocalipse 22:17). “É porventura Deus somente dos judeus? Não é também dos gentios? Também dos gentios, certamente” (Romanos 3:29). O Apocalipse descreve a nova cidade celestial de Jerusalém como um lugar onde todas as nações andarão na luz do Cordeiro e onde a glória de todas as nações habitará (Apocalipse 21:22–27). Deus Se preocupa com todas as nações e representantes de todas as nações estarão presentes no céu.

O anjo deu aos pastores de Belém “novas de grande alegria que o será para todo o povo” (Lucas 2:10). Quando apoiamos missões mundiais, quando compartilhamos as boas novas da redenção que está em Jesus Cristo, glorificamos a Deus, que diz: “Quão formosos sobre os montes são os pés do que anuncia as boas-novas, que proclama a paz, que anuncia coisas boas, que proclama a salvação” (Isaías 52:7).

English



Voltar à página principal em português

O que a Bíblia diz sobre missões mundiais?
Assine a

Pergunta da Semana

Comparte esta página: Facebook icon Twitter icon Pinterest icon Email icon
© Copyright Got Questions Ministries