O que são os Manuscritos do Mar Morto e por que são importantes?



 

Pergunta: "O que são os Manuscritos do Mar Morto e por que são importantes?"

Resposta:
A primeira descoberta dos Pergaminhos do Mar Morto ocorreu em 1947 em Qumran, uma aldeia situada a cerca de 30 km a leste de Jerusalém, na costa noroeste do Mar Morto. Um jovem pastor beduíno, seguindo um bode que havia se extraviado, jogou uma pedra em uma das cavernas ao longo das falésias e ouviu um estalo: a rocha tinha atingido um pote de cerâmica contendo rolos de couro e papiro, mais tarde determinados como tendo quase vinte séculos de idade. Dez anos e muitas pesquisas mais tarde, descobriu-se onze cavernas ao redor do Mar Morto, as quais continham dezenas de milhares de fragmentos de manuscritos que datam do terceiro século aC a 68 dC. Estima-se que esses pergaminhos representem cerca de oito centenas de obras distintas.

Os Pergaminhos do Mar Morto são uma vasta coleção de documentos judaicos escritos em hebraico, aramaico e grego e que contêm muitos temas e estilos literários. Eles incluem manuscritos ou fragmentos de cada livro da Bíblia hebraica, exceto o Livro de Ester, todos criados cerca de mil anos antes de quaisquer manuscritos bíblicos previamente conhecidos. Os pergaminhos também contêm o mais antigo comentário bíblico existente, sobre o Livro de Habacuque, e muitos outros escritos, entre eles obras religiosas pertencentes a seitas judaicas da época.

As lendas sobre o que os Pergaminhos do Mar Morto continham vão muito além do que estava realmente lá. Não havia livros perdidos da Bíblia ou outra literatura que não já tivesse outras cópias. A grande maioria dos Manuscritos do Mar Morto era simplesmente cópias dos livros do Antigo Testamento de cerca de 250-150 aC. Também foram encontrados livros extra-bíblicos e apócrifos, mas, mais uma vez, a grande maioria dos pergaminhos eram cópias do Antigo Testamento hebraico. Os Pergaminhos do Mar Morto foram uma descoberta surpreendente por estarem em excelente estado e terem permanecido escondidos por tanto tempo (mais de 2.000 anos). Esses Manuscritos também podem dar-nos confiança na fiabilidade dos manuscritos do Antigo Testamento uma vez que existiam apenas diferenças mínimas entre os manuscritos previamente descobertos e os encontrados em Qumran. Claramente, esse é um testemunho da maneira em que Deus tem preservado a Sua Palavra através dos séculos, protegendo-a da extinção e guardando-a contra qualquer erro significativo.


Voltar à página principal em português

O que são os Manuscritos do Mar Morto e por que são importantes?