settings icon
share icon
Pergunta

Por que a Bíblia descreve a lua como uma luz?

Resposta


Existem vários lugares nas Escrituras onde a lua é descrita como uma “luz”, embora, como sabemos, a lua não produza nenhuma luz própria. Gênesis 1:16 descreve a criação do sol e da lua da seguinte maneira: “Fez Deus os dois grandes luzeiros: o maior para governar o dia, e o menor para governar a noite; e fez também as estrelas.” Outras referências à lua como luz incluem Isaías 30:26; Ezequiel 32:7; e Marcos 13:24.

Descrever a lua como tendo luz é uma questão de semântica. A lua é uma luminária, mesmo que a luz que ela traga para o céu noturno não se origine dela mesma. Dizer que a lua é uma luz é um exemplo de linguagem fenomenológica, que as pessoas usam o tempo todo. Não é impróprio falar do “nascer do sol”, mesmo que o sol realmente não nasça (em vez disso, a terra gira em seu eixo). Da mesma forma, é aceitável designar a lua como fonte de luz. É o que parece ser do nosso ponto de vista. É verdade que sem o sol a lua não poderia funcionar como uma luminária, mas Gênesis 1 não postula que funcionaria. Os dois corpos celestes foram criados juntos e descritos juntos.

Quanto à frase para governar a noite em Gênesis 1:16, esta é uma expressão idiomática que significa simplesmente que a lua é o luminar noturno dominante. O fato de que a lua às vezes é visível no céu diurno de forma alguma nega o fato de que ela domina o céu noturno.

A descrição bíblica da lua como a “luz menor” não pretende classificar a lua como uma fonte de luz semelhante ao sol. A linguagem é uma descrição precisa da luminosidade comparativa da lua e do sol. O significado é que a luz da lua quando atinge a terra é menos brilhante que a luz do sol, um fato que todos nós reconhecemos.

Não exigimos que o meteorologista na TV use terminologia cientificamente precisa ao conversar sobre a previsão – não ficamos confusos se ele menciona um “nascer do sol” ou “pôr do sol”, mesmo que esses não sejam os termos técnicos para o que realmente está acontecendo no sistema solar. Estamos confortáveis com o uso da linguagem fenomenológica, e devemos ser capazes de reconhecê-la nas Escrituras. Deus Se comunicou com a humanidade de uma maneira que pudéssemos entender e apreciar. A lua brilha, embora com luz refletida, por isso é totalmente apropriado que a Bíblia fale da lua como uma “luz”.

English



Voltar à página principal em português

Por que a Bíblia descreve a lua como uma luz?
Assine a

Pergunta da Semana

Comparte esta página: Facebook icon Twitter icon Pinterest icon Email icon
© Copyright Got Questions Ministries