settings icon
share icon
Pergunta

Qual é a maneira correta de lidar com o pecado em minha vida?

Resposta


A maneira correta de lidar com o pecado é confessá-lo a Deus e abandoná-lo. Cada uma dessas duas etapas básicas merece um olhar mais atento:

Primeiro, a confissão é a maneira correta de lidar com o pecado. Naturalmente, para confessar o nosso pecado, devemos reconhecer que o que fizemos (ou deixamos de fazer) é pecaminoso. Todos pecaram, e os crentes em Cristo também pecam. O apóstolo João, escrevendo aos crentes, disse: “Se dissermos que não temos pecado nenhum, a nós mesmos enganamos, e a verdade não está em nós” (1 João 1:8).

“Confessar” é “concordar com”. Para lidar adequadamente com o pecado em nossas vidas, devemos concordar com Deus sobre o nosso comportamento; se a Bíblia chama algo que temos feito de “pecado”, então devemos chamá-lo de “pecado” também. Em nossa confissão, devemos ser corajosos o suficiente para ser completamente honestos diante do Senhor. Devemos começar confessando todos os pecados conhecidos e então pedir ao Senhor que revele qualquer outro pecado que precise ser confessado. “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração, prova-me e conhece os meus pensamentos; vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno” (Salmo 139:23-24). Biblicamente, a nossa confissão é feita a Deus, não a um padre. Jesus é o nosso Mediador (1 Timóteo 2:5).

Quando lidamos adequadamente com o pecado por meio da confissão, temos esta promessa: “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (1 João 1:9). Essa promessa foi encorajadora para as pessoas a quem João estava escrevendo no primeiro século d.C., e é encorajadora para nós hoje. É o coração do evangelho. Jesus está sentado à direita de Deus Pai, uma posição de poder e influência. Ele intercede por aqueles que são Seus, feitos assim pela graça por meio da fé. Quando alguém que está em Cristo peca, é como se Jesus dissesse ao Pai: “Eu paguei por esse pecado”. O Pai nos perdoa com base no sacrifício de Jesus na cruz. Ele é fiel para fazê-lo, de acordo com a Sua promessa; e Ele é justo para fazê-lo, porque Jesus já pagou o preço pelo pecado.

Segundo, abandonar o pecado é a maneira correta de lidar com ele. Quando Jesus perdoou a mulher apanhada em adultério, Ele lhe disse: “...vá e não peque mais” (João 8:11). - essa é a palavra de perdão e libertação. Não peque mais - esse é o mandamento de Deus para viver uma vida santa.

Não podemos afirmar seriamente que estamos lidando adequadamente com o pecado se nos recusarmos a abandoná-lo. Se encontramos uma cobra venenosa dentro de casa, não brincamos com ela; nós a removemos do local. Se descobrimos câncer em nosso corpo, a vida não continua como de costume; começamos um programa de tratamento agressivo para buscar um atestado de boa saúde. E se nos conscientizarmos do pecado em nossas vidas, fazemos todo o possível para mudar o nosso comportamento para agradar ao Senhor.

Para lidar adequadamente com o pecado, devemos não apenas abandoná-lo, mas também procurar restituir nossos erros, quando possível. Zaqueu é um bom exemplo disso (Lucas 19:8). Devemos também tomar medidas para evitar cair na mesma armadilha novamente. Isso significa estabelecer novos hábitos, frequentar lugares diferentes e evitar certas pessoas: “Quem tem muitos amigos pode cair em desgraça” (Provérbios 18:24). Devemos atender ao mandamento de Deus: “Vistam-se com toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo” (Efésios 6:11).

Para lidar adequadamente com o pecado, devemos seguir as diretrizes da Palavra de Deus. Somos instruídos: “Vigiem e orem, para que não caiam em tentação” (Marcos 14:38). E devemos ser sensíveis à direção do Espírito Santo. Quando Ele está entristecido, é hora de confessar o nosso pecado e abandoná-lo (veja Efésios 4:30).

Quando lidamos adequadamente com o pecado em nossas vidas, nossas vidas mudarão e produzirão “frutos dignos de arrependimento” (Lucas 3:8). Viveremos na confiança de que os nossos pecados, passados, presentes e futuros, são perdoados em Cristo (Romanos 8:1). Louvaremos ao Senhor da nossa salvação como Aquele que pode nos impedir de tropeçar (Judas 1:24-25). Confiaremos que Deus completará em nós a obra que começou (Filipenses 1:6).

Quando lidamos adequadamente com o pecado em nossas vidas, provaremos a verdade de Provérbios 28:13: “Quem encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e abandona alcançará misericórdia” (ênfase adicionada).

English



Voltar à página principal em português

Qual é a maneira correta de lidar com o pecado em minha vida?
Assine a

Pergunta da Semana

Comparte esta página: Facebook icon Twitter icon Pinterest icon Email icon
© Copyright Got Questions Ministries