O que foi a prática de lançar sortes?


Pergunta: "O que foi a prática de lançar sortes?"

Resposta:
A prática de lançar sortes é mencionada setenta vezes no Antigo Testamento e sete vezes no Novo Testamento. Apesar das muitas referências a lançar sortes no Antigo Testamento, nada se sabe sobre as sortes em si. Elas poderiam ter sido varas de vários comprimentos, pedras achatadas como moedas ou algum tipo de dado; mas sua natureza exata é desconhecida. A prática moderna mais próxima de lançar sortes é provavelmente jogar uma moeda para fazer uma decisão.

A prática de lançar sortes ocorre mais frequentemente em conexão com a divisão da terra sob Josué (Josué capítulos 14-21), um procedimento sobre o qual Deus instruiu os israelitas várias vezes no livro de Números (Números 26:55; 33:54; 34:13; 36:2). Deus permitiu que os israelitas lançassem sortes a fim de determinar a Sua vontade para uma dada situação (Josué 18:6-10; 1 Crônicas 24: 5,31). Vários ofícios e funções no templo também foram determinados desse modo (1 Crônicas 24:5, 31; 25:8-9; 26:13-14). Os marinheiros no navio de Jonas também lançaram sortes para determinar quem havia trazido a ira de Deus sobre seu navio (Jonas 1:7). Os onze apóstolos lançaram sortes para determinar quem iria substituir Judas (Atos 1:26). Lançar sortes acabou se tornando um jogo que as pessoas jogaram e no qual fizeram apostas. Isso é visto nos soldados romanos lançando sortes pelas roupas de Jesus (Mateus 27:35).

O Novo Testamento em nenhum lugar instrui os cristãos a usarem um método semelhante ao lançamento de sortes para ajudar na tomada de decisões. Agora que temos a Palavra completa de Deus, bem como a habitação do Espírito Santo para nos guiar, não há razão para usar os jogos de azar para tomar decisões. A Palavra, o Espírito e a oração são suficientes para discernir a vontade de Deus hoje - não lançar sortes, jogar dados ou jogar uma moeda.

English
Voltar à página principal em português

O que foi a prática de lançar sortes?

Assine a pergunta da semana