Era Jesus sem pecado?



 

Pergunta: "Era Jesus sem pecado?"

Resposta:
Sim, Jesus era sem pecado, e é porque Jesus não tinha pecado que temos a esperança de uma eternidade no céu. Se Jesus não fosse sem pecado, não haveria sacrifício pelo pecado. A desobediência de Adão e Eva no Jardim do Éden introduziu o pecado a este mundo (Gênesis 3:6). Com o pecado veio a morte, assim como Deus havia advertido (Gênesis 2:17). Como resultado, a humanidade agora nasce com uma natureza pecaminosa (Romanos 5:12-19), e essa natureza está conosco desde o momento em que somos concebidos (Salmo 51:5). A Bíblia deixa claro, porém, que Jesus Cristo, embora tentado de todas as maneiras como somos (Hebreus 4:15), nunca cometeu um pecado (2 Coríntios 5:21; 1 João 3:5). O apóstolo Pedro afirmou claramente: "o qual não cometeu pecado, nem dolo algum se achou em sua boca" (1 Pedro 2:22). Na verdade, já que Jesus Cristo é Deus, Ele não tem a capacidade de pecar.

Além de colocar uma barreira entre nós e nosso Criador, a nossa herdada natureza pecaminosa nos submeteu à morte física e eterna porque "o salário do pecado é a morte" (Romanos 6:23). Agora, para que possamos nos reconciliar com Deus, é preciso que haja perdão, e "sem derramamento de sangue, não há remissão" (Hebreus 9:22). Depois que Adão e Eva pecaram, Deus os vestiu com “vestimentas de pele” (Gênesis 3:21) ao derramar o sangue de um animal. No entanto, os muitos sacrifícios de animais subsequentes, embora perfeitamente ilustrassem que o pecado exige a morte, forneceram apenas uma cobertura temporária dos pecados, já que o sangue desses animais nunca poderia tirar completamente o pecado (Hebreus 10:4, 11).

Os sacrifícios do Antigo Testamento eram um prenúncio do perfeito sacrifício final de Jesus Cristo (Hebreus 7:27; 10:10). A única maneira de podermos nos reconciliar com um Deus santo e perfeito foi com uma oferta santa e perfeita, o que não teria acontecido se Jesus Cristo tivesse pecado. Como Pedro declarou: "sabendo que não foi mediante coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados …., mas pelo precioso sangue, como de cordeiro sem defeito e sem mácula, o sangue de Cristo" (1 Pedro 1: 18-19). Na verdade, apenas o sangue sem pecado de Cristo era capaz de trazer a paz entre Deus e a humanidade (Colossenses 1:20). E com esta reconciliação, podemos ser "santos, inculpáveis e irrepreensíveis" (Colossenses 1:22).

A morte sem pecado de Cristo na cruz do Calvário pagou toda a penalidade pelo pecado de todos que creem nEle. Assim, o que foi perdido com a queda foi devolvido na cruz. Assim como o pecado entrou no mundo por um homem (Adão), Deus foi capaz de redimir o mundo através de um homem sem pecado – o irrepreensível Jesus Cristo.


Voltar à página principal em português

Era Jesus sem pecado?