settings icon
share icon
Pergunta

Como posso entregar todas as minhas preocupações e problemas a Deus?

Resposta


Às vezes é uma verdade desconcertante para muitos cristãos que, embora pertençamos a Deus pela fé em Cristo, ainda parecemos experimentar os mesmos problemas que nos atormentavam antes de sermos salvos. Muitas vezes ficamos desanimados e atolados nas preocupações da vida. O fato de que tanto o Antigo quanto o Novo Testamento tratam desse problema da mesma maneira indica que Deus sabe que problemas e preocupações são inevitáveis nesta vida. Felizmente, Ele nos deu a mesma solução que mencionou nos Salmos e na carta de Pedro. "Lance os seus cuidados sobre o Senhor e ele o susterá; jamais permitirá que o justo seja abalado" (Salmo 55:22), e "Lancem sobre ele todas as suas ansiedades, porque ele cuida de vocês" (1 Pedro 5:7).

Contidas nesses dois versículos estão várias verdades surpreendentes: Deus nos sustentará, nunca nos deixará cair e cuida de nós. Tomadas uma de cada vez, vemos primeiro que Deus declara a Sua capacidade e a Sua vontade de ser a nossa força e apoio – mental, emocional e espiritualmente. Ele é capaz (e o melhor de tudo, disposto!). Ele prometeu cooperar "todas as coisas para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito." Mesmo quando duvidamos da Sua promessa, Ele ainda está trabalhando para o nosso bem e para a Sua glória. E também prometeu que não permitirá que nenhuma provação seja tão grande que não possamos suportá-la no poder de Cristo e que Ele proverá um meio de escape (1 Coríntios 10:13). Com isso, Ele quer dizer que não nos deixará cair, como prometeu no Salmo 55:22.

A terceira declaração - "ele cuida de vocês" - nos dá a motivação por trás das Suas outras promessas. Nosso Deus não é frio, insensível ou caprichoso. Em vez disso, é o nosso amoroso Pai celestial cujo coração é terno para com os Seus filhos. Jesus nos lembra que, assim como um pai terreno não negaria pão a seus filhos, Deus prometeu nos dar "coisas boas" quando Lhe pedimos (Mateus 7:11).

No espírito de pedir por coisas boas, primeiro devemos orar e dizer ao Senhor que ouvimos o que Ele está dizendo em João 16:33, onde Jesus diz: "Falei essas coisas para que em mim vocês tenham paz. No mundo, vocês passam por aflições; mas tenham coragem: eu venci o mundo." Então devemos pedir ao Senhor que nos mostre como Ele "venceu" nossos problemas, nossas preocupações, nossa raiva, nossos medos e nossa culpa.

O Senhor nos revela através da Sua Palavra, a Bíblia, que podemos ter "coragem", que podemos:

1) alegrar-nos com nossos problemas porque Deus os usará para o nosso benefício. “… sabendo que a tribulação produz perseverança, a perseverança produz experiência e a experiência produz esperança” (Romanos 5:3-4);

2) ver nossas “preocupações” como uma oportunidade para praticar Provérbios 3:5-6: “Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apoie no seu próprio entendimento. Reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas”;

3) neutralizar a nossa ira com obediência a Efésios 4:32: “… sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando uns aos outros, como também Deus, em Cristo, perdoou vocês"; e

4) lidar com quaisquer sentimentos pecaminosos através de crer e agir de acordo com a verdade de 1 João 1:9: "Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça." Todos os nossos problemas podem ser superados pela simples fé na Palavra de Deus.

Deus é maior do que todas as nossas preocupações e problemas juntos, e devemos perceber isso se quisermos ter alguma vitória em nossas vidas. Todos sofrem com essas dificuldades, porque a Bíblia ensina que a tentação é "comum" à humanidade (1 Coríntios 10:13). Não devemos deixar Satanás nos enganar pensando que todos os nossos problemas são nossa culpa, que todas as nossas preocupações se tornarão realidade, que toda a nossa raiva nos condena ou que toda a nossa culpa é de Deus. Se pecamos e confessamos, Deus perdoa e purifica. Não precisamos nos envergonhar, mas aceitar a promessa de Deus de que Ele perdoa e purifica. Nenhum de nossos pecados é tão pesado que Deus não possa tirá-los de nós e jogá-los no mar mais profundo (veja Salmos 103:11-12).

Na realidade, os sentimentos vêm dos pensamentos, então, mesmo que não possamos mudar como nos sentimos, podemos mudar como pensamos. E é isso que Deus quer que façamos. Por exemplo, em Filipenses 2:5, os cristãos são informados: "Tenham entre vocês o mesmo modo de pensar de Cristo Jesus." Em Filipenses 4:8, os cristãos são instruídos a pensar em coisas que são "verdadeiras", "respeitáveis", "justas", "puras", "amáveis", "de boa fama" e "louváveis". Em Colossenses 3:2, somos instruídos: "Pensem nas coisas lá do alto, e não nas que são aqui da terra." Portanto, ao fazermos isso, nossos sentimentos de culpa diminuem.

Assim, a cada dia, dando um passo de cada vez, devemos orar para que a Palavra de Deus nos guie, ler ou ouvir a Palavra de Deus e meditar na Palavra de Deus quando os problemas, preocupações e ansiedades da vida surgirem. O segredo para entregar as coisas a Cristo não é realmente nenhum segredo - é simplesmente pedir a Jesus que leve o nosso fardo do "pecado original" e seja o nosso Salvador (João 3:16), bem como submeter-se a Jesus como o nosso Senhor nas coisas do dia-a-dia.

English



Voltar à página principal em português

Como posso entregar todas as minhas preocupações e problemas a Deus?
Assine a

Pergunta da Semana

Comparte esta página: Facebook icon Twitter icon Pinterest icon Email icon
© Copyright Got Questions Ministries