O que é a dupla predestinação?



 

Pergunta: "O que é a dupla predestinação?"

Resposta:
A dupla predestinação é a crença de que Deus cria algumas pessoas cujo propósito em existir é para serem enviadas ao inferno. Esse conceito é bíblico? Vejamos a questão com base no livro de Romanos, que tem dois temas predominantes do início ao fim. O primeiro tema é a justiça de Deus. É a própria mensagem do evangelho que revela a justiça de Deus (Romanos 1:16-17). É a verdade contida na mensagem do evangelho que, pela fé, declara um homem justo diante de Deus (Romanos 4-5). É a figura central da mensagem do evangelho - Jesus Cristo - que permite que um homem seja justo (Romanos 6-7). É a mensagem do evangelho que mostra ao homem a maneira de viver de maneira justa (Romanos 12).

Um outro tema encontrado no livro dos Romanos é o da ira. A ira de Deus tem sido - e está sendo - revelada contra todas as ações pecaminosas (Romanos 1:18). A humanidade conhece Deus, mas o rejeita em seu pensamento e em suas ações (Romanos 1:21-22). A ira de Deus, portanto, é quando Deus entrega o homem a viver a sua vida como quiser (Romanos 1:24, 26, 28), o que, longe de Deus, leva à destruição (Romanos 1:28-32). O homem rejeita o Deus do universo, e Deus, por sua vez, abandona o homem. Apenas uma intervenção pessoal de Deus pode alterar o caminho destrutivo em que o homem se encontra enquanto se endurece no pecado.

Agora lemos Romanos 9:22, que diz: "Que diremos, pois, se Deus, querendo mostrar a sua ira e dar a conhecer o seu poder, suportou com muita longanimidade os vasos de ira, preparados para a perdição." Muitas pessoas pensam que este versículo ensina que Deus criou certos vasos para a Sua ira. Entretanto, este não é o objetivo do versículo. Lendo acima, vemos que a humanidade já experimentou a ira de Deus. A humanidade já se ajustou no caminho da destruição. É Deus quem resiste a esses vasos - vasos que se prepararam para a destruição por se recusarem a abandonar o pecado e se voltar para Deus.

Veja o versículo seguinte, Romanos 9:23: "a fim de que também desse a conhecer as riquezas da sua glória em vasos de misericórdia, que para glória preparou de antemão". Note que Deus elege certas pessoas de antemão para a Sua glória. Em outras palavras, antes da fundação do mundo, Deus escolheu certas pessoas para serem Seus filhos, a fim de que Ele seja glorificado (ver Efésios 1:4). Não diz que Deus escolheu certas pessoas para a condenação ou que as predestinou para a ira. A Bíblia nunca fala sobre uma dupla predestinação onde Deus elege ou predestina alguns para o inferno, e outros para o céu. Aqueles que estão sob a ira de Deus estão naquela posição por terem rejeitado a Deus. Aqueles que têm a justiça de Deus estão nessa posição porque Deus os escolheu para serem Seus filhos.


Voltar à página principal em português

O que é a dupla predestinação?