O que é o discipulado cristão?



 

Pergunta: "O que é o discipulado cristão?"

Resposta:
Por definição, um discípulo é um seguidor, aquele que aceita e auxilia na divulgação das doutrinas de outro. Um discípulo cristão é uma pessoa que aceita e auxilia na divulgação das boas novas de Jesus Cristo. O discipulado cristão é o processo pelo qual os discípulos crescem no Senhor Jesus Cristo e são equipados pelo Espírito Santo, que reside em nossos corações, para superar as pressões e provações desta vida presente e tornar-se cada vez mais semelhantes a Cristo. Este processo exige que os crentes respondam ao impulso do Espírito Santo para examinar seus pensamentos, palavras e ações e compare-os com a Palavra de Deus. Isso requer que estejamos na Palavra diariamente, estudando, orando e obedecendo. Além disso, sempre devemos estar prontos para dar testemunho do motivo da esperança que está dentro de nós (1 Pedro 3:15) e para discipular os outros a andar em Seu caminho. De acordo com a Escritura, ser um discípulo cristão envolve um crescimento pessoal caracterizado pelo seguinte:

1. Colocar Jesus em primeiro lugar em todas as coisas (Marcos 8:34-38). O discípulo de Cristo precisa ser separado do mundo. Nosso foco deve estar no nosso Senhor e agradá-Lo em todas as áreas da nossa vida. Devemos nos livrar do egocentrismo e assumir uma vida centrada em Cristo.

2. Seguir os ensinamentos de Jesus (João 8:31-32). Devemos ser filhos obedientes e praticantes da Palavra. A obediência é o teste supremo da fé em Deus (1 Samuel 28:18), e Jesus é o exemplo perfeito da obediência, pois Ele viveu uma vida na Terra de completa obediência ao Pai até o ponto da morte (Filipenses 2:6-8).

3. Frutificação (João 15:5-8). O nosso dever não se trata de produzir frutos. O nosso dever se trata de permanecer em Cristo e, se o fizermos, o Espírito Santo produzirá o fruto, e esse fruto é o resultado da nossa obediência. À medida que nos tornamos mais obedientes ao Senhor e aprendemos a caminhar em Seus caminhos, nossas vidas mudarão. A maior mudança ocorrerá em nossos corações, e esse transbordamento resultará em uma nova conduta (pensamentos, palavras e ações) representativa dessa mudança. A mudança que buscamos é feita de dentro para fora, através do poder do Espírito Santo. Não é algo que possamos conjurar sozinhos.

4. Amor por outros discípulos (João 13:34-35). A Bíblia ensina que o amor por outros crentes é a prova de que somos membros da família de Deus (1 João 3:10). O amor é definido e elaborado em 1 Coríntios 13:1-13. Estes versículos nos mostram que o amor não é uma emoção; é ação. Devemos fazer algo e nos envolver no processo. Além disso, somos instruídos a pensar mais nos outros do que em nós mesmos e a cuidar dos seus interesses (Filipenses 2:3-4). O versículo seguinte em Filipenses (versículo 5) resume realmente o que devemos fazer quando se trata de tudo na vida: "Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus". Que exemplo perfeito Ele é para nós quanto a tudo que devemos fazer em nossa caminhada cristã.

5. Evangelismo – Fazendo outros discípulos (Mateus 28:18-20). Devemos compartilhar nossa fé e contar aos descrentes sobre as mudanças maravilhosas que Jesus Cristo tem feito em nossas vidas. Não importa qual seja nosso nível de maturidade na vida cristã, temos algo a oferecer. Muitas vezes, acreditamos na mentira de Satanás que realmente não sabemos o suficiente ou não temos sido cristãos tempo suficiente para fazer a diferença. Não é verdade! Alguns dos representantes mais entusiasmados da vida cristã são novos crentes que acabaram de descobrir o incrível amor de Deus. Eles podem não conhecer muitos versículos da Bíblia ou o modo mais "aceito" de dizer as coisas, mas experimentaram o amor do Deus vivo, e é exatamente isso o que devemos compartilhar.


Voltar à página principal em português

O que é o discipulado cristão?