Deve um cristão investir dinheiro no mercado de ações?


Pergunta: "Deve um cristão investir dinheiro no mercado de ações?"

Resposta:
Há aqueles que se opõem ao investimento no mercado de ações, dizendo que comprar ações é equivalente ao jogo e apostas. O argumento é que, uma vez que as ações são compradas na esperança (não garantia) de que aumentarão em valor, isso é uma forma de jogo. Há diferenças, no entanto, entre jogar em um cassino ou comprar bilhetes de loteria e comprar ações. Os jogadores arriscam dinheiro sabendo que provavelmente perderão, na esperança de ganhar dinheiro rapidamente. Os investidores sábios compram a propriedade parcial de uma empresa na esperança de ganhar dinheiro ao longo do tempo, o que pode ser uma boa maneira de planejar para o futuro.

A diferença realmente se resume à intenção. Alguns tipos de investimento, como o day-trading, são muito parecidos com o jogo. Qualquer coisa que exija "sorte" acima de decisões sábias e planejamento a longo prazo deve ser evitado. A maioria dos investimentos de longo prazo retorna um lucro ao longo do tempo, tornando-os muito mais parecidos com a compra de títulos ou certificados de depósito bancário do que com os dados em um cassino. Há muitos que usam investimentos para garantir a aposentadoria, educação para seus filhos e herança para suas famílias.

A Bíblia oferece alguns exemplos de riqueza crescente através de meios legítimos. Alguns são semelhantes a investir - gastar dinheiro agora para ganhar dinheiro mais tarde. As intenções de Deus de como devemos administrar nossa riqueza são encontradas em muitas Escrituras. A seguir estão alguns exemplos.

Provérbios 28:20 diz: “O homem fiel será cumulado de bênçãos, mas o que se apressa a enriquecer não passará sem castigo.” Isso fala contra a mentalidade de “enriquecer rapidamente”. Enxergar o investimento como um plano de longo prazo para o futuro é um bom planejamento, mas tentar fazer uma fortuna da noite para o dia não é.

2 Coríntios 9:6 diz: “E isto afirmo: aquele que semeia pouco pouco também ceifará; e o que semeia com fartura com abundância também ceifará.” O contexto está realmente falando sobre investir em nosso relacionamento com Deus, mas demonstra como se deve sacrificar muitas vezes agora para ganho no futuro. Da mesma forma, Provérbios 3:9-10 diz: “Honra ao SENHOR com os teus bens e com as primícias de toda a tua renda; e se encherão fartamente os teus celeiros, e transbordarão de vinho os teus lagares.”

Grande parte do ensino da Bíblia sobre a riqueza é uma advertência contra colocar a confiança na riqueza em vez de no Senhor (por exemplo, 1 Timóteo 6:17-18) ou em detrimento daqueles que dependem de nós (por exemplo, Eclesiastes 5:13-14). Enquanto honrarmos nossos compromissos com Deus e nossas famílias com nosso dinheiro e mantermos um espírito de generosidade e gratidão, investir é uma opção que os cristãos podem considerar.

English
Voltar à página principal em português

Deve um cristão investir dinheiro no mercado de ações?

Assine a pergunta da semana