Por que tantos cristãos não têm uma cosmovisão consistentemente bíblica?



 

Pergunta: "Por que tantos cristãos não têm uma cosmovisão consistentemente bíblica?"

Resposta:
Uma cosmovisão bíblica é a concepção total do mundo do ponto de vista bíblico. É o sistema de crença básico do cristão sobre o significado da vida, a natureza de Deus, a fonte da verdade e outros conceitos fundamentais. No entanto, a cosmovisão de muitos cristãos não é biblicamente consistente. Talvez abordem algumas questões do ponto de vista bíblico, mas não todas as questões.

Existem muitas razões possíveis pelas quais alguns cristãos não conseguem ter uma cosmovisão consistentemente bíblica:

1) Eles são ignorantes do que a Bíblia diz. Eles não conhecem a Palavra. Se alguém não sabe o que a Bíblia diz sobre a santidade da vida humana, por exemplo, será difícil que ele forme uma visão bíblica sobre o assunto. Para aqueles que são ignorantes, a educação é a resposta.

2) Eles rejeitam o que a Bíblia diz sobre certos assuntos. Se um cristão professo não acredita no que a Bíblia diz, será impossível que ele tenha uma autêntica cosmovisão bíblica. Para aqueles que são contrários, o arrependimento é a resposta.

3) Eles estão mais preocupados com o que o mundo pensa deles do que com o que Deus pensa. "Quem teme ao homem arma ciladas, mas o que confia no SENHOR está seguro" (Provérbios 29:25). Um crente que vê o mundo do ponto de vista bíblico reconhece que ele não é do mundo. Jesus disse: "Se vós fôsseis do mundo, o mundo amaria o que era seu; como, todavia, não sois do mundo, pelo contrário, dele vos escolhi, por isso, o mundo vos odeia" (João 15:19, veja também João 17:14). Quando um crente começa a se rebaixar à maneira de pensar do mundo, ele perde o foco da perspectiva de Deus. Para aqueles que têm medo, a coragem é a resposta.

4) Eles são mornos em seu compromisso com Cristo. Como a igreja de Laodiceia, não são "nem frio nem quente" (Apocalipse 3:15), mas relutantes em defenderem Cristo. Para o morno, o compromisso é a resposta.

5) Eles são influenciados pelas mentiras do mundo. Desde o tempo de Adão e Eva, Satanás tem usado a sua capacidade de enganar e confundir (Gênesis 3:1-7, Apocalipse 12: 9). Uma ferramenta poderosa no arsenal de Satanás é a ideia de que a Bíblia é um livro de mitos, contém muitos erros e não é confiável. Satanás deseja convencer as pessoas de que a Bíblia não é mais relevante, que suas leis e princípios são obsoletos. Muitos na igreja têm sido influenciados por tal pensamento. Para os enganados, o discernimento é a resposta.

6) Eles são influenciados por suas circunstâncias e duvidam das promessas de Deus. Em Mateus 14, quando Pedro saiu do barco para andar na água, ele estava demonstrando uma cosmovisão bíblica: Jesus é a fonte de todo o poder. No entanto, quando Pedro se concentrou no mar abalado pela tempestade, a sua cosmovisão mudou: talvez as ondas sejam mais poderosas que Jesus. Para os que duvidam, a fé é a resposta.

A fim de obtermos uma cosmovisão consistentemente bíblica, devemos nos voltar para a Bíblia e nos apegar às promessas que Deus nos fez, pois o mundo não nos oferece nada (Lucas 9:25; João 12:25; Mateus 6:19).


Voltar à página principal em português

Por que tantos cristãos não têm uma cosmovisão consistentemente bíblica?