O que a Bíblia diz sobre o controle populacional?



 

Pergunta: "O que a Bíblia diz sobre o controle populacional?"

Resposta:
A Bíblia não diz nada sobre o controle populacional. Em vez disso, os seres humanos são instruídos: "sede fecundos e multiplicai-vos" (Gênesis 1:22, 28). Salmo 127:3-5 nos diz que os filhos são uma herança do Senhor e que o fruto do ventre é uma recompensa dEle.

No momento dessa redação, existem aproximadamente 7,1 bilhões de pessoas no mundo. Apenas no estado de Texas, nos EUA, existem cerca de 696,000 quilômetros quadrados. Isso significa que, teoricamente, cada pessoa do mundo poderia caber no estado do Texas, e cada pessoa teria pouco menos que 100 metros quadrados de espaço para viver- quase 400 metros quadrados para uma família de quatro! Pode-se argumentar que o problema não seja o número de pessoas, mas sim a falta de recursos (comida, água, etc.) e a capacidade de distribuí-los.

Se todas as pessoas na terra pudessem caber no Texas, imagine todo o espaço que as pessoas teriam se escolhessem se espalhar por todo o território dos Estados Unidos. Isso permitiria muito espaço para viver e acesso à água, terras aráveis, estradas e outras infraestruturas.

Claro que existem locais nos Estados Unidos que não são habitáveis. No entanto, existem muitos lugares em todo o mundo com abundância de terras aráveis e água potável. Na realidade, a população não precisa ser "controlada".

Aqueles que defendem o controle da população geralmente apoiam ímpios métodos de controle, como o aborto, a eutanásia e a esterilização forçada. Esquemas como o aborto forçado entram em direto conflito com os ensinamentos da Bíblia de que a vida humana é sagrada. Promotores do controle populacional avançam políticas que pressupõem que o problema seja muitos humanos, enquanto o problema real é ignorado.

O problema não é o tamanho da população ou a disponibilidade de recursos. O problema é o pecado. Pessoas egoístas, pecaminosas e com fome de poder têm abusado da criação de Deus. Deus pretendia que o homem dominasse o resto da criação (Gênesis 1:26). Os homens eram para ser administradores da terra, e 1 Coríntios 4:2 acrescenta que "o que se requer dos despenseiros é que cada um deles seja encontrado fiel." Infelizmente, os governos corruptos, ao invés de atuarem como administradores confiáveis dos recursos de um país, muitas vezes tomam posse dos alimentos, gerem recursos de forma muito ruim e desperdiçam dinheiro, ao invés de se assegurarem de que as pessoas do seu país estão propriamente alimentadas. Além disso, as grandes corporações também se esforçam para controlar cada vez mais o fornecimento de alimentos e parecem mais dispostas a obter negócios lucrativos do que beneficiar a sociedade.

A resposta bíblica à "superpopulação" não é exigir menos pessoas. É honrar as pessoas o suficiente para atender às suas necessidades (ver Marcos 12:31). A ganância, o desejo pelo poder e a futilidade levam à má gestão dos recursos, e milhões de pessoas sofrem como resultado.


Voltar à página principal em português

O que a Bíblia diz sobre o controle populacional?