Quem eram os cananeus?


Pergunta: "Quem eram os cananeus?"

Resposta:
Os cananeus eram um grupo primitivo que vivia na terra de Canaã, na costa oriental do Mar Mediterrâneo. Canaã é descrita na Bíblia como se estendendo do Líbano até o riacho do Egito, no sul, e ao vale do rio Jordão, no leste. Na Bíblia, notavelmente em Gênesis 10 e Números 34, esse local foi chamado de "terra de Canaã" e ocupa a mesma área ocupada pelo Líbano moderno e por Israel, além de partes da Jordânia e da Síria.

Os cananeus são mencionados mais de 150 vezes na Bíblia. Eles eram um povo perverso e idólatra que descendeu do neto de Noé, Canaã, o qual era filho de Cam (Gênesis 9:18). Canaã foi amaldiçoado por causa do pecado dele e de seu pai contra Noé (Gênesis 9:20-25). Em algumas passagens, os cananeus referem-se especificamente ao povo das terras baixas e planícies de Canaã (Josué 11:3); em outras passagens, cananeus é usado mais amplamente para se referir a todos os habitantes daquela terra, inclusive os heveus, girgaseus, jebuseus, amorreus, hititas e perizeus (veja Juízes 1:9-10).

A terra de Canaã foi a terra que Deus prometeu dar aos descendentes de Abraão (Gênesis 12:7). Os cananeus são descritos na Bíblia como um povo grande e feroz, não facilmente derrotado, de modo que os israelitas precisariam de ajuda divina para enfrentá-los, derrotá-los e tomar sua terra. Deus prometeu a Sua ajuda a Moisés e Josué (Josué 1:3).

Depois do Êxodo, quando o Senhor mandou Moisés invadir Canaã, Moisés enviou um grupo de espiões para a terra de Canaã para ver como eram as pessoas. Os espiões voltaram com um relatório que foi tanto encorajador quanto assustador. O fruto da terra era enorme — dois homens foram necessários para transportar um cacho de uvas (Números 13:23) — e a terra era abundante em muitos outros aspectos. Contudo, os cananeus eram fortes e as cidades eram grandes e fortificadas. Além disso, os espiões israelitas tinham visto o que descreveram como nefilins e os descendentes de Anaque (Números 13:28, 33) — ao lado desse povo feroz, os israelitas se viam como "gafanhotos" (versículo 33). No final, os israelitas ficaram com tanto medo dos cananeus que se recusaram a entrar na terra que Deus lhes havia prometido. Apenas Josué e Calebe estavam confiantes de que Deus os ajudaria a derrotar os cananeus. Por causa de sua relutância em confiar em Deus, essa geração de israelitas teve a sua entrada em Canaã negada (Números 14:30-35).

Após a morte de Moisés, Josué foi chamado por Deus para liderar o povo de Israel através do rio Jordão e para a Terra Prometida. A primeira cidade a que chegaram foi Jericó, uma cidade com muralhas fortes que pertencia aos cananeus. Josué creu em Deus e disse ao povo que Deus expulsaria os cananeus da terra para que Israel pudesse tomar a terra de Canaã (Josué 3:10). A queda de Jericó foi um evento sobrenatural, pois Deus destruiu aquela cidade (Josué 6). Esta vitória foi um sinal para o povo de Israel e para o povo de Canaã que Deus havia dado a terra de Canaã aos israelitas.

Apesar de uma longa campanha contra os habitantes de Canaã, vários grupos de cananeus permaneceram em Israel depois que a terra foi dividida entre as doze tribos (Juízes 1:27–36). Alguns dos cananeus que permaneceram em Israel foram obrigados ao trabalho forçado, mas muitas fortalezas permaneceram na terra. A obediência parcial de Israel, resultando nessas cidadelas cananeias, causou muitos problemas ao longo do tempo dos Juízes.

English


Voltar à página principal em português

Quem eram os cananeus?

Assine a pergunta da semana