Por que o aconselhamento pré-matrimonial é importante?


Pergunta: "Por que o aconselhamento pré-matrimonial é importante?"

Resposta:
O aconselhamento pré-matrimonial geralmente é da responsabilidade do pastor ou líder de uma congregação local, embora também possa ser realizado por um funcionário do departamento de cuidado pastoral ou outro conselheiro cristão. Alguns pastores não se comprometem a realizar uma cerimônia de casamento a menos que o casal de noivos se submeta a uma série de sessões de aconselhamento. Os pastores estão cientes das bênçãos e desafios do casamento e querem ajudar os que se unem no matrimônio a serem bem-sucedidos. Eles veem o aconselhamento pré-matrimonial como uma parte importante de ajudar os casais a entrarem no pacto do casamento com os olhos abertos e bem equipados para construir e manter uma união forte.

O apóstolo Paulo, em suas instruções pastorais a Tito, diz-lhe para equipar outras pessoas que, por sua vez, ensinarão a geração mais jovem (Tito 2:1–6). Este é o aconselhamento que tem em seu núcleo o ensino de verdades, padrões ou absolutos bíblicos no relacionamento de uma pessoa com os outros. Isso é especialmente importante em uma situação pré-matrimonial. Não podemos usar o que não sabemos e a idade adulta não é garantia de maturidade. O casal que pretende formar uma união deve ser instruído no ponto de vista de Deus sobre o casamento.

O aconselhamento pré-matrimonial baseado nos princípios bíblicos delineia os papéis do marido e da esposa quando se relacionam entre si e com seus futuros filhos (Efésios 5:22-6:4; Colossenses 3:18-21). O aconselhamento pré-conjugal é uma excelente maneira de esclarecer conceitos errôneos sobre o casamento, estabelecer metas e distinguir entre os padrões de Deus e os do mundo. É crucial que o pastor, o ancião ou o conselheiro fazendo o aconselhamento pré-matrimonial seja doutrinariamente sólido, seguro em seu próprio casamento e relações familiares (1 Timóteo 3:4–5; Tito 1:7), e viva em obediência à Palavra de Deus. Tal conselheiro está equipado para transmitir o ponto de vista de Deus claramente e sem equívocos.

O aconselhamento pré-matrimonial é também um excelente local para levantar questões sobre as quais o casal não tenha pensado ainda, tais como a administração das finanças, a divisão de tarefas domésticas, como lidar com as férias, como disciplinar as crianças e assim por diante. O conselheiro também pode orientar o casal a identificar o que viu nos casamentos dos pais e o que querem imitar ou não em seu próprio casamento.

O aconselhamento pré-matrimonial sólido e bíblico pode muito bem fazer a diferença entre um casal que saiba como lidar com seus problemas com sucesso e um casal que lute com nada além de pontos de vista humanos e padrões mundanos para guiá-los. Uma futura noiva e noivo devem se comprometer com o aconselhamento pré-matrimonial em um esforço para modelar seu casamento segundo a ordem de Deus.

English
Voltar à página principal em português

Por que o aconselhamento pré-matrimonial é importante?

Assine a pergunta da semana