São Lúcifer e Satanás a mesma pessoa? A queda de Lúcifer descreve Satanás?



 

Pergunta: "São Lúcifer e Satanás a mesma pessoa? A queda de Lúcifer descreve Satanás?"

Resposta:
Não há nenhum versículo na Bíblia que diga: "Lúcifer é Satanás", mas um exame de várias passagens revela que Lúcifer tem que ser Satanás. A queda de Lúcifer descrita em Isaías 14:12 é provavelmente o mesmo evento que Jesus mencionou em Lucas 10:18: "Eu via Satanás caindo do céu como um relâmpago." Uma queda semelhante é retratada em Ezequiel 28.

Isaías 14:12-18 descreve a queda do céu de um chamado "Lúcifer", um nome que significa "estrela da manhã", "filho da alva", "estrela do dia" ou "estrela brilhante". A descrição daquele aqui mencionado nos mostra que não pode ser outro senão Satanás. Sabemos das próprias palavras de Jesus em Lucas 10 que Satanás caiu do céu. Então, quando Isaías se refere a Lúcifer (em hebraico, helel) sendo lançado à terra (Isaías 14:12), não pode ser outro senão Satanás. O motivo da sua queda é encontrado nos versículos 13 e 14: "Tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu; acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono e no monte da congregação me assentarei, nas extremidades do Norte; subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo." Esse sempre foi o desejo de Satanás - ser Deus - e é a mesma tentação que usou no jardim do Éden para que Eva desobedecesse ao Senhor: "… como Deus, sereis conhecedores do bem e do mal" (Gênesis 3:5).

Pensa-se que Ezequiel 28 seja uma outra passagem que se refira a Lúcifer/Satanás. Embora comece com Ezequiel sendo comandado por Deus para levantar "uma lamentação contra o rei de Tiro" (v. 12), um rei idólatra malvado, logo fica claro que a passagem está se referindo também ao poder por trás desse rei - Satanás. O versículo 13 diz que ele estava "no Éden, jardim de Deus". Claramente, o rei de Tiro nunca esteve no Éden. O versículo 14 diz: "Tu eras querubim da guarda ungido, e te estabeleci". Aparentemente, Lúcifer/Satanás tinha uma posição de anjo da guarda no céu entre "o brilho das pedras". Pensa-se que essas pedras sejam as brilhantes joias preciosas também vistas em outras descrições do céu (Êxodo 24:10; Apocalipse 21:18-21). Já que o rei de Tiro nunca esteve no céu, isso só pode descrever Lúcifer. O resto da passagem descreve o motivo pelo qual ele foi expulso do céu. Por sua beleza, o seu coração ficou orgulhoso e sua sabedoria foi corrompida (Ezequiel 28:17). O orgulho em sua perfeição, sabedoria e beleza (v. 12) tornou-se a fonte de sua queda, e Deus o atirou à terra (v. 17). Isto foi testemunhado pelo Senhor Jesus no céu antes da Sua encarnação (Lucas 10:18).

Para resumir, Lúcifer foi expulso do céu por seu pecado de orgulho e seu desejo de ser Deus. Jesus se referiu a quando viu Satanás sendo expulso do céu. Portanto, podemos concluir que Lúcifer e Satanás são um e o mesmo.


Voltar à página principal em português

São Lúcifer e Satanás a mesma pessoa? A queda de Lúcifer descreve Satanás?