A Bíblia descreve Jesus sendo adorado?



 

Pergunta: "A Bíblia descreve Jesus sendo adorado?"

Resposta:
Adoração significa "reverência paga a um ser divino." Se adoração foi oferecida a Jesus e ele a aceitou, com isso Jesus estava então confirmando a sua divindade. Isto é importante porque há aqueles que negam a divindade de Cristo, relegando-o, ao invés, a uma posição inferior a Deus. Sim, Jesus aceitou adoração. Como a segunda Pessoa da Santíssima Trindade, ele era e ainda é adorado.

Desde o início da vida de Jesus, vemos exemplos dele sendo adorado. Assim que os Magos avistaram o menino Jesus, "prostrando-se, o adoraram" (Mateus 2:11). A Bíblia registra a resposta inicial que Jesus recebeu quando fez a sua entrada triunfal em Jerusalém: "E as multidões, tanto as que o precediam como as que o seguiam, clamavam: Hosana ao Filho de Davi! Bendito o que vem em nome do Senhor! Hosana nas maiores alturas!" (Mateus 21: 9; João 12:13)! A palavra hosana é um apelo por salvação e uma expressão de adoração. Esta palavra usada pela multidão é definitivamente uma forma de adoração.

Logo após Jesus surpreender os discípulos ao caminhar sobre a água, "os que estavam no barco o adoraram, dizendo: Verdadeiramente és Filho de Deus!" (Mateus 14:33). Mais dois exemplos memoráveis de Jesus aceitando adoração ocorreram logo após a sua ressurreição. Algumas das mulheres (Mateus 18:1; Marcos 16:1; Lucas 24:10) estavam a caminho de ir dizer aos discípulos sobre a ressurreição quando Jesus as encontrou. Ao perceberem quem era ele, "elas, aproximando-se, abraçaram-lhe os pés e o adoraram" (Mateus 28:9).

Há também o caso de Tomé, que não acreditou que Jesus tinha ressuscitado dos mortos, apesar do testemunho dos outros discípulos sobre o fato. Fazia cerca de uma semana desde a ressurreição, e Tomé ainda duvidava. Jesus, sabendo disso, apareceu a ele e lhe mostrou as marcas dos pregos em suas mãos e pés e a ferida em seu lado. Como Tomé respondeu? "Senhor meu e Deus meu!" (João 20:28). Em nenhum desses casos vemos Jesus dizendo aos que o adoravam que parassem, assim como fizeram meros homens e até mesmo anjos que estavam sendo adorados indevidamente por outras pessoas (Atos 10: 25-26; Apocalipse 19: 9-10).

Continuamos a oferecer adoração a Jesus hoje quando nos oferecemos a ele como um sacrifício vivo -- oferecendo-nos a Deus, através da fé em Jesus Cristo, para fazer conosco o que quiser de acordo com a sua vontade (Romanos 12:1-2). Jesus disse: "Deus é espírito; e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade" (João 4:24). Nós adoramos a Deus em espírito e verdade pela obediência aos seus mandamentos. A adoração não é apenas nos curvar diante de Jesus, lançar galhos de palmeira a seus pés, ou cantar e gritar sobre o nosso amor por ele. Adorar trata-se de conhecê-lo, ter comunhão com Ele, servi-lo e confiar nele.


Voltar à página principal em português

A Bíblia descreve Jesus sendo adorado?