Será que Deus realmente esquece os nossos pecados? Como um Deus onisciente poderia esquecer alguma coisa?


Pergunta: "Será que Deus realmente esquece os nossos pecados? Como um Deus onisciente poderia esquecer alguma coisa?"

Resposta:
Existem várias passagens na Bíblia que indicam que Deus perdoa e esquece o nosso pecado. Isaías 43:25 diz: "Eu, eu mesmo, sou o que apago as suas transgressões por amor de mim; dos pecados que você cometeu não me lembro". Hebreus 10 explica como o sacrifício de Jesus na cruz pelo pecado foi um sacrifício de uma vez por todas. Ao contrário do sistema de sacrifício do Antigo Testamento, no qual sacrifícios eram feitos continuamente pelo pecado, Jesus pagou pelo pecado de uma vez por todas. O Seu pagamento foi completo. Hebreus 10:14–18 diz: "Porque, com uma única oferta, aperfeiçoou para sempre os que estão sendo santificados. E disto nos dá testemunho também o Espírito Santo. Porque, após ter dito: 'Esta é a aliança que farei com eles, depois daqueles dias, diz o Senhor: Imprimirei as minhas leis no coração deles e as inscreverei sobre a sua mente', acrescenta: 'Também dos seus pecados e das suas iniquidades jamais me lembrarei.' Ora, onde há remissão de pecados, não existe mais necessidade de sacrifício pelo pecado."

Essas passagens tornam evidente que Deus não se lembra de nossos pecados. No entanto, o "não lembrar" de Deus não é o que geralmente pensamos como esquecimento. Deus é onisciente. Ele sabe de tudo e não se esquece de nada. No entanto, Ele pode optar por não se lembrar de algo. Nas relações humanas, podemos escolher lembrar as ofensas que alguém cometeu contra nós, ou podemos optar por esquecer. Para perdoar alguém, muitas vezes precisamos tirar lembranças dolorosas de nossas mentes. Na verdade, não realmente esquecemos o pecado e não é que sejamos incapazes de nos lembrar da ofensa, mas optamos por ignorá-la. O perdão nos impede de pensar nos problemas do passado.

Em vez de nos tratar como merecem os nossos pecados, Deus remove nossos pecados "quanto o Oriente está longe do Ocidente" — uma distância imensurável (Salmo 103:12). Pense em viajar pelo mundo. Quando alguém para de ir para o leste e começa a ir para o oeste? É impossível dizer. Quando somos salvos, nossos pecados são completamente perdoados. É sobre isso que o escritor de Hebreus está falando — Jesus fez um sacrifício único que remove completamente o nosso pecado. Em Cristo, somos justificados (declarados justos) diante de Deus. Romanos 8:1 nos diz que não há condenação para aqueles que estão em Cristo. Romanos 8:31–39 é um belo discurso sobre a nossa segurança em Cristo. O pecado não tem voz na nossa posição com Deus. Somos totalmente aceitos e declarados justos nEle. Deus não se lembra de nossos pecados quando escolhe nos tratar de certa maneira. Em vez disso, Ele nos trata como justos. Segundo Coríntios 5:21 diz: "Aquele que não conheceu pecado, Deus o fez pecado por nós, para que, nele, fôssemos feitos justiça de Deus." Dessa maneira, Deus "esquece" os nossos pecados.

Mesmo como cristãos, pecamos, mas sabemos que Deus é fiel em perdoar (1 João 1:9). Deus purifica e depois segue em frente. Ele não usa os nossos pecados contra nós. Em vez disso, Deus nos liberta da escravidão do pecado e nos liberta para experimentarmos uma nova vida. Conhecendo o completo perdão de Deus em Cristo, podemos nos unir ao rei Ezequias em louvor ao nosso Redentor: "… lançaste para trás de ti todos os meus pecados" (Isaías 38:17). Como Paulo, podemos esquecer-nos do que está por trás e prosseguir "para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus" (Filipenses 3:14).

English


Voltar à página principal em português

Será que Deus realmente esquece os nossos pecados? Como um Deus onisciente poderia esquecer alguma coisa?

Descubra como ...

receber a vida eterna



receber o perdão de Deus



Assine a pergunta da semana