É aceitável orar repetidamente pela mesma coisa, ou devemos pedir somente uma vez?



Pergunta: "É aceitável orar repetidamente pela mesma coisa, ou devemos pedir somente uma vez?"

Resposta:
Lucas 18:1-7 declara: “E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer, Dizendo: Havia numa cidade um certo juiz, que nem a Deus temia, nem respeitava o homem. Havia também, naquela mesma cidade, uma certa viúva, que ia ter com ele, dizendo: Faze-me justiça contra o meu adversário. E por algum tempo não quis atendê-la; mas depois disse consigo: Ainda que não temo a Deus, nem respeito os homens, Todavia, como esta viúva me molesta, hei de fazer-lhe justiça, para que enfim não volte, e me importune muito. E disse o Senhor: Ouvi o que diz o injusto juiz. E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que tardio para com eles?”

Lucas 11:5-13 proclama: “Disse-lhes também: Qual de vós terá um amigo, e, se for procurá-lo à meia-noite, e lhe disser: Amigo, empresta-me três pães, Pois que um amigo meu chegou a minha casa, vindo de caminho, e não tenho que apresentar-lhe; Se ele, respondendo de dentro, disser: Não me importunes; já está a porta fechada, e os meus filhos estão comigo na cama; não posso levantar-me para tos dar; Digo-vos que, ainda que não se levante a dar-lhos, por ser seu amigo, levantar-se-á, todavia, por causa da sua importunação, e lhe dará tudo o que houver mister. E eu vos digo a vós: Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos-á; Porque qualquer que pede recebe; e quem busca acha; e a quem bate abrir-se-lhe-á. E qual o pai de entre vós que, se o filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? Ou, também, se lhe pedir peixe, lhe dará por peixe uma serpente? Ou, também, se lhe pedir um ovo, lhe dará um escorpião? Pois se vós, sendo maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais dará o Pai celestial o Espírito Santo àqueles que lho pedirem?”

As duas passagens nos encorajam a orar e a continuar orando! Não há nada errado em pedir a mesma coisa repetidamente. Contanto que seja da vontade de Deus (I João 5:14-15), continue pedindo até que Deus conceda seu desejo ou remova o desejo de seu coração. Às vezes Deus nos obriga a esperar por uma resposta às nossas orações para nos ensinar paciência e perseverança. Às vezes pedimos por algo quando isto ainda não está no tempo de Deus para nossas vidas. Às vezes pedimos por algo que não é da vontade de Deus para nós, e Ele nos diz não. A oração não consiste apenas em apresentarmos nossos pedidos a Deus, mas também é Deus apresentando sua vontade aos nossos corações. Continue pedindo, continue batendo, continue buscando, até que Deus conceda seu pedido, ou o convença de que seu pedido não é a Sua vontade para você.


Voltar à página principal em português

É aceitável orar repetidamente pela mesma coisa, ou devemos pedir somente uma vez?