www.GotQuestions.org/Portugues




Pergunta: "O que é a Teoria do Intervalo? Aconteceu alguma coisa entre Gênesis 1:1 e 1:2?"

Resposta:
Gênesis 1:1-2 declara: “(1) No princípio, criou Deus os céus e a terra. (2) A terra, porém, estava sem forma e vazia; havia trevas sobre a face do abismo, e o Espírito de Deus pairava por sobre as águas”. A Teoria do Intervalo é a teoria que acredita que Deus criou o planeta Terra completamente funcional, com todos os animais, incluindo os dinossauros e outras criaturas que conhecemos apenas por fósseis. Então, segue a teoria, aconteceu algo que destruiu a terra por completo – alguns especulam que foi a queda de Satanás à terra – e, por isso, a terra tornou-se sem forma e vazia. A esta altura, Deus começou tudo de novo, recriando a terra em sua forma de paraíso como descrito no primeiros capítulos de Gênesis.

Há muitos problemas com essa teoria para podermos descrevê-los adequadamente neste artigo, no entanto, a primeira coisa que devemos nos perguntar é se algo importante tivesse acontecido entre os dois versículos, não teria Deus nos dito isso claramente? Ou será que Ele teria nos deixado a especular em ignorância sobre eventos tão importantes? Segundo, Gênesis 1:31 diz que Deus viu tudo que fizera e que tudo era “muito bom”. Ele com certeza não poderia ter dito isso se o mal já tivesse entrado no mundo através da queda de Satanás durante o “intervalo”. Dessa mesma forma, se a explicação para a existência de fósseis é com milhões de anos durante esse intervalo, isso significa que morte, doenças e sofrimento eram comuns bem antes da queda de Adão em pecado. No entanto, a Bíblia nos diz que foi o pecado de Adão que introduziu morte, doenças e sofrimento a todo tipo de vida, principalmente à humanidade: “Portanto, assim como por um só homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado, a morte, assim também a morte passou a todos os homens, porque todos pecaram” (Romanos 5:12).

Aqueles que defendem a Teoria do Intervalo o fazem para poder reconciliar as teorias de cientistas modernos que acreditam na teoria de que a terra é muito velha – a crença de que a terra é bilhões de anos mais velha do que a Bíblia afirma que ela seja quando adicionamos as genealogias do homem encontradas nas Escrituras. Até evangélicos bem intencioados adotaram a teoria de que a terra é velha, interpretando muito do capítulo de Gênesis alegoricamente, e ao mesmo tempo tentando manter uma interpretação literal do resto das Escrituras. O perigo com isso é em determinar em que ponto podemos parar de enxergar a Bíblia como alegorias e começamos a interpretá-la literalmente. Foi Adão uma pessoa real? Como sabemos? Se ele não era, então será que ele realmente trouxe pecado à humanidade, ou podemos transformar isso em uma alegoria também? E se Adão não realmente existiu para introduzir o pecado que todos nós herdamos, então não houve motivo pelo qual Jesus tinha que morrer na cruz, pois, primeiramente, isso negaria o motivo para a vinda de Cristo como 1 Coríntios 15:22 explica: “Porque, assim como, em Adão, todos morrem, assim também todos serão vivificados em Cristo”. A esta altura, o Cristianismo se torna uma farsa e a Bíblia é apenas um livro legal cheio de histórias e fábulas. Será que não podemos enxergar onde esse tipo de “raciocínio” pode nos levar?

Gênesis 1 simplesmente não pode ser reconciliado com a noção de que a criação ocorreu durante longos períodos de tempo, nem que esses períodos ocorreram entre Gênesis 1:1 e 1:2. O que aconteceu entre Gênesis 1:1 e 1:2? Absolutamente nada! Gênesis 1:1 nos diz que Deus criou os céus e a terra. Gênesis 1:2 nos informa que logo quando Deus criou a terra, ela era sem forma, vazia e escura; não estava pronta ainda e não era habitada por criaturas. O resto de Gênesis capítulo 1 nos diz como Deus refinou a terra sem forma, vazia e escura e a encheu com vida, beleza e bondade. A Bíblia é verdade, literal e perfeita (Salmos 19:7-9). A ciência nunca conseguiu refutar nem um jota ou um til da Bíblia, e nem conseguirá. A Bíblia é a verdade suprema, e, portanto, é o padrão pelo qual teoria científica deve ser avaliada, e não o contrário.

© Copyright 2002-2014 Got Questions Ministries.