www.GotQuestions.org/Portugues

Pergunta: "Será que a Bíblia copia algumas de suas histórias de outros mitos religiosos e lendas?"

Resposta:
Há muitos relatos bíblicos que têm semelhanças notáveis com contos de outras religiões, lendas e mitos. Para os fins deste artigo, vamos examinar dois dos exemplos mais proeminentes. Para uma comparação detalhada do dilúvio de Noé e o Épico de Gilgamesh, favor consultar - Será que a Bíblia copiou a narrativa do Dilúvio de outros mitos e lendas?

Primeiro, vamos considerar o relato da Queda da humanidade (Gênesis 3). Há uma lenda grega, a da Caixa de Pandora, cujos detalhes diferem de forma tão dramática do relato bíblico da Queda que talvez nunca se suspeite de um relacionamento. Entretanto, eles talvez provem o mesmo evento histórico. Ambas as narrativas descrevem como a primeira mulher desencadeou pecado, doença e sofrimento ao mundo que tinha sido, até então, um paraíso edênico. Ambos os contos terminam com o surgimento da esperança, esperança em um Redentor prometido no caso de Gênesis, e "esperança" como uma coisa tendo sido liberada da caixa no final da lenda de Pandora.

Como as lendas mundiais copiosas do dilúvio, a Caixa de Pandora demonstra como a Bíblia talvez seja às vezes semelhante a mitos pagãos simplesmente porque talvez todos se refiram a uma verdade histórica que ao longo dos anos tem se manifestado em histórias antigas (como no caso da Bíblia) e em alegorias poéticas (como no caso de Pandora, cuja história foi contada de muitas maneiras diferentes pelos gregos, mas cuja verdade principal permaneceu constante). As semelhanças não apontam a uma narrativa copiando da outra, mas ao fato de que ambas as histórias apontam para o mesmo evento histórico.

Finalmente, há casos de cópia, mas nestes casos, a Bíblia foi a fonte e não os mitos pagãos (apesar das afirmações pseudo-acadêmicas do contrário). Considere o caso do nascimento de Sargão. Diz a lenda que Sargão foi colocado em uma cesta de cana e colocado no rio por sua mãe. Ele foi resgatado por Aqqi, que então o adotou como seu próprio filho. Isso soa muito como a narrativa sobre Moisés em Êxodo 2 e Sargão viveu cerca de 800 anos antes de Moisés ter nascido. Sendo assim, a história do bebê Moisés sendo enviado pelo rio para ser resgatado e adotado deve ter sido copiada de Sargão, certo?

Isso parece razoável, mas o que se sabe de Sargão vem quase inteiramente de lendas escritas muitas centenas de anos após a sua morte. Há muito poucos registros contemporâneos da vida de Sargão. A lenda da infância de Sargão, como ele foi colocado em uma cesta e enviado por um rio, vem de duas tabuletas cuneiformes do 7 º século AC (da biblioteca do rei assírio Assurbanipal, que reinou 668-627 AC), escritas centenas de anos após o livro de Êxodo. Se alguém quiser argumentar que uma narrativa copiou de outra, teria que ser o contrário: a lenda de Sargão parece ter copiado do Êxodo de Moisés.

A Bíblia é clara quanto à sua autoria. Embora muitos homens diferentes a tenham escrito, o Espírito Santo de Deus é o verdadeiro autor. Segundo Timóteo 3:16-17 nos diz que a Escritura é inspirada por Deus, o que significa que é literalmente "soprada por Deus". Ele escreveu, preservou ao longo dos séculos, vive dentro de suas próprias páginas e o Seu poder se manifesta em nossas vidas.

© Copyright 2002-2014 Got Questions Ministries.