O que a Bíblia diz sobre o ódio?



Pergunta: "O que a Bíblia diz sobre o ódio?"

Resposta:
Biblicamente falando, existem aspectos positivos e negativos ao ódio. É aceitável odiar as coisas que Deus odeia; de fato, isso é mais uma prova de um relacionamento correto com Deus. "Vós que amais o SENHOR, detestai o mal" (Salmo 97:10a). Na verdade, quanto mais próxima a nossa caminhada com o Senhor e quanto mais tivermos comunhão com Ele, mais conscientes seremos do pecado, tanto dentro como fora. Não nos lamentamos e queimamos com raiva quando o nome de Deus é difamado, quando vemos hipocrisia espiritual e a incredulidade flagrante e comportamento sem Deus? Quanto mais entendermos os atributos e amarmos o caráter de Deus, mais seremos semelhantes a Ele e mais odiaremos as coisas que são contrárias à Sua Palavra e natureza.

No entanto, o ódio negativo certamente tem a ver com o que é dirigido a outras pessoas. O Senhor menciona o ódio no Sermão da Montanha: "Eu, porém, vos digo que todo aquele que [sem motivo] se irar contra seu irmão estará sujeito a julgamento..." (Mateus 5:22). O Senhor ordena que não só devemos nos conciliar com o nosso irmão antes de irmos diante dEle, mas que devemos fazê-lo rapidamente (Mateus 5:23-26). O ato de assassinato em si foi certamente condenado, mas o ódio é um pecado do "coração", e qualquer pensamento ou ato odioso é um assassinato aos olhos de Deus pelo qual a justiça será exigida, talvez não nesta vida, mas no dia do julgamento. Tão hedionda é a posição do ódio diante de Deus que diz-se que um homem que odeia está andando na escuridão, ao contrário da luz (1 João 2:9, 11). A pior situação é a de um homem que continua professando a religião, mas permanece em inimizade com o seu irmão. As Escrituras declaram que tal pessoa é mentirosa (1 João 4:20) e que ela pode até enganar aos homens, mas não a Deus. Quantos crentes vivem anos fingindo por fora que está tudo bem, apenas para se encontrarem amargurados por terem nutrido inimizade (ódio) contra um irmão?

O ódio é um veneno que destrói de dentro para fora, produzindo amargura que corrói os nossos corações e mentes. É por isso que as Escrituras nos dizem para não deixarmos que uma "raiz de amargura" cresça em nossos corações (Hebreus 12:15). O ódio também destrói o testemunho pessoal de um cristão porque o remove da comunhão com o Senhor e com outros crentes. Vamos ter o cuidado de fazer o que o Senhor aconselhou e não ter um espírito rancoroso sobre as coisas pequenas ou grandes, e o Senhor será fiel para perdoar, assim como Ele prometeu (1 João 1:9, 2:1).


Voltar à página principal em português

O que a Bíblia diz sobre o ódio?